0

Sport vence, aumenta crise no Figueirense e cola nos líderes da Série B

Equipe pernambucana aumenta sua invencibilidade para sete jogos e chega aos 38 pontos na competição

15 set 2019
19h05
atualizado às 19h05
  • separator
  • 0
  • comentários

O Sport se aproximou dos líderes Bragantino e Atlético Goianiense ao derrotar o Figueirense pelo placar de 2 a 1 na tarde deste domingo, no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis, pela 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O time catarinense deixou o campo debaixo de vaias.

Há sete jogos sem perder, o Sport chegou aos 38 pontos, assim como o vice-líder Atlético-GO. O líder Bragantino tem 42. Já o Figueirense viu a crise aumentar ainda mais. O time catarinense não vence há 13 rodadas e ocupa a vice-lanterna, com 22, a dois de deixar a zona de rebaixamento.

O Figueirense se atirou ao ataque assim que o árbitro sinalizou o início de jogo. No minuto inicial, Betinho arriscou de fora da área, o goleiro Maílson deixou a bola escapar e a viu bater na trave, antes de se recuperar e salvar o Sport em cima da linha. O time catarinense continuou sufocando o adversário.

Aos dez minutos, Victor Guilherme cruzou para William Popp, que mandou na trave. A bola continuou viva no campo ofensivo do time mandante. Héliton recebeu dentro da área e tentou a bicicleta. Maílson defendeu. A resposta veio aos 15. Hyuri recebeu de Leandrinho e deu de letra para Hernane fazer 1 a 0.

Ainda no primeiro tempo, três jogadores saíram lesionados. Pelo lado do Figueirense: Zé Antônio. Já pelo Sport, João Igor e Hyuri deixaram o campo. Após as mudanças, o Figueirense voltou a crescer, mas parou na defesa rival.

No segundo tempo, o Sport voltou mais ligado e se aproveitou das fragilidades do Figueirense para ampliar. Aos 13 minutos, Marcinho colocou a bola na cabeça de Norberto. O lateral só teve o trabalho de empurrar para o gol. O time catarinense, por outro lado, chegou com Betinho. O volante jogou na trave.

Com o passar do tempo, o Sport tirou o pé do acelerador e começou a administrar o resultados. O Figueirense se soltou e conseguiu diminuir aos 44 minutos. Andrigo arriscou o chute de longe, Maílson foi para a defesa, mas acabou levando um "frango". E foi só. O time catarinense pressionou no fim, mas não conseguiu buscar o empate.

Na próxima rodada, o Figueirense enfrenta o Brasil de Pelotas na quinta-feira, às 21h30, no estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS). Na sexta-feira, às 21h30, o Sport recebe o América Mineiro na Ilha do Retiro, em Recife (PE).

FICHA TÉCNICA:

FIGUEIRENSE 1 x 2 SPORT

FIGUEIRENSE - Matheus Vidotto; Victor Guilherme, Alemão, Ruan Renato e Héliton; Zé Antônio (Patrick), Betinho (Andrigo) e Tony; Willian Popp, Yuri Mamute (Matehus Lucas) e Robertinho. Técnico: Vinícius Eutrópio.

SPORT - Maílson; Norberto, Rafael Thyere, Adryelson e Sander; João Igor (Marcão Silva), Charles e Leandrinho; Hyuri (Marcinho), Hernane (Élton) e Guilherme. Técnico: Guto Ferreira.

GOLS - Hernane, aos 15 minutos do primeiro tempo. Norberto, aos 33, e Andrigo, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Betinho e William Popp (Figueirense); Norberto e Leandrinho (Sport).

ÁRBITRO - Andrey da Silva e Silva (PA).

RENDA E PÚBLICO - Não divulgados.

LOCAL - Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC).

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade