1 evento ao vivo

Sem Diego Souza, Dorival divide ataque e defesa em treino do São Paulo

9 jan 2018
14h48
atualizado às 14h48
  • separator
  • comentários

O São Paulo concluiu o primeiro período de treinos desta terça-feira na parte da manhã. A comissão técnica do Tricolor separou atividades diferentes para os jogadores do setor defensivo e ofensivo da equipe e, depois, juntou todo o elenco para um coletivo em campo reduzido, prática recorrente desta pré-temporada do time de Dorival Júnior.

Tais atividades contaram com desfalques notórios. O meia Hudson, que treinou normalmente na última segunda-feira, trabalhou separadamente e deixou o gramado para fazer trabalho físico na academia do clube. A medida se dá pela grave lesão sofrida pelo atleta no final de 2017.

Já Diego Souza, principal reforço do São Paulo para a temporada, passou por exames médicos e também não entrou em campo. Outra ausência ficou por conta do zagueiro Arboleda, ainda em recuperação de um estiramento muscular. Cueva, que já se encontra no CT do clube, só deve ir ao gramado na atividade do período da tarde, fechada para a imprensa.

O treino do Tricolor nesta manhã começou com cada setor trabalhando em um campo separado. Enquanto os goleiros tocavam bola em uma parte do centro de treinamentos, o restante do elenco fez o trabalho de aquecimento, com uma sessão de troca de passes, no gramado principal.

Depois, a comissão técnica do Soberano dividiu os atletas dos setores ofensivo e defensivo. Enquanto os zagueiros e laterais realizavam atividades para reforçar a marcação da linha de quatro em um campo, os jogadores do meio para a frente treinavam a saída de bola no gramado principal.

O destaque se deu pela presença de Júnior Tavares entre os jogadores de ataque. Ainda não se sabe se o técnico Dorival Júnior planeja utilizar o atleta em uma posição mais avançada de campo para a temporada ou se o jogador era apenas uma peça de composição para a atividade.

No período final do treinamento da manhã, todo o elenco se reuniu para o trabalho coletivo. O treinador tricolor comandou a atividade em campo reduzido, em que a formação titular foi composta por Sidão e Jean se revezando no gol; Militão, Bruno Alves, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei, Petros, Shaylon, Lucas Fernandes e Marcos Guilherme; Brenner.

A equipe tida como titular não teve nenhuma surpresa, já que esses já eram os jogadores que trabalhavam juntos nos últimos treinamentos. O Tricolor realiza outro treino no período da tarde, entretanto, a atividade será fechada para a imprensa. A estreia da equipe em 2018 será no dia 17 de janeiro, contra o São Bento, pelo Campeonato Paulista.

* Especial para a Gazeta Esportiva

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade