0

Santa Cruz finda jejum na Série B, deixa o Z4 e manda Goiás para degola

15 set 2017
21h22
atualizado às 21h22
  • separator
  • 0
  • comentários

Acabou a agonia do torcedor do Santinha. Após oito jogos, o tricolor voltou a vencer uma partida. E não foi um jogo qualquer. Na noite dessa sexta, o Santa Cruz bateu o Goiás por 3 a 0 no estádio do Arruda, em Recife, e deixou a zona de rebaixamento, local para onde mandou os goianos nesta 24ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O primeiro gol da partida foi marcado logo aos dois minutos de jogo. João Paulo, de 1,67m, apareceu livre na área e, de cabeça, estufou as redes. A prova de que a pressão tem sido forte sobre os atletas do Santinha foi o choro de João Paulo durante sua comemoração.

De uniforme novo, o tricolor se impôs durante toda a primeira etapa. André Luís e Thiago Primão por muito pouco não aumentaram a vantagem antes do intervalo. O Goiás assustou apenas com uma cabeçada de Andrezinho, que Julio César não teve dificuldade para defender.

Na etapa final, o jogo ficou franco. A necessidade de arrancar ao menos um empate fora de casa fez o Esmeraldino se lançar ao ataque, deixando espaços na defesa. A estratégia quase deu certo aos quatro minutos. Carlos Eduardo até chegou a empatar, mas a arbitragem acusou impedimento no lance.

Outra oportunidade desperdiçada veio após cobrança de escanteio de Andrezinho. Ramires cabeceou e a bola raspou a trave de Julio César. Em compensação, os goianos se livraram de levar mais um gol logo na sequência, quando Grafite carimbou o travessão de Marcelo Rangel também depois de uma cobrança de escanteio.

No fim do jogo, o Goiás acabou se expondo demais. Sem criar uma grande jogada no ataque, os visitantes ainda acabaram dando ao Santinha o que eles mais queriam. Na primeira chance de matar o jogo, Ricardo Bueno parou em Marcelo Rangel e na trave. Na sequência, porém, Bruno Paulo foi fatal. Em três minutos o atacante marcou dois gols em cima de um Goiás totalmente entregue.

Festa da torcida Cobra Coral, que viu o time saltar para a 15ª colocação, com 27 pontos, fora do Z4. Já o Goiás dorme dentro da zona de rebaixamento, em 17º, com 25 pontos, e ainda pode ter a situação piorada dependendo do resultado do Figueirense nessa 24ª rodada da Série B.

Na sexta-feira que vem, o Santa Cruz visitará o Londrina, no Paraná, enquanto o Goiás, no dia seguinte, receberá o Paysandu no Serra Dourada.

FICHA TÉCNICA

SANTA CRUZ 3 X 0 GOIÁS

Local: Estádio Arruda, em Recife (PE)

Data: 14 de setembro de 2017, sexta-feira

Horário: 19h15 (de Brasília)

Árbitro: Daniel Nobre Bins (RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Elio Nepomuceno de Andrade Junior (RS)

Cartões amarelos: SANTA CRUZ: Nininho, Tiago Costa, João Paulo e Augusto. GOIÁS: Aylon

GOLS:

SANTA CRUZ: João Paulo, aos 2 minutos do 1T, e Bruno Paulo, aos 39 e aos 42 minutos do 2T

SANTA CRUZ: Julio Cesar; Nininho, Anderson Salles, Sandro e Tiago Costa; João Ananias, Derley e Thiago Primão; João Paulo, André Luís (Bruno Paulo) e Grafite (Ricardo Bueno).

Técnico: Marcelo Martelotte

GOIÁS: Marcelo Rangel; Pedro Bambu, Matheus Ferraz, Alex Alves e Carlinhos (Michael); Victor Bolt (Elyeser), Ramires (Aylon), Léo Sena e Andrezinho; Tiago Luís e Carlos Eduardo.

Técnico: Silvio Criciúma

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade