3 eventos ao vivo

Rosário Central se aproxima da volta à primeira divisão argentina

18 mai 2013
17h04
atualizado às 17h11

Uma das equipes mais tradicionais da Argentina, o Rosário Central está a um passo de voltar à primeira divisão do país e pode conseguir o feito neste domingo com uma vitória na visita ao Gimnasia Jujuy ou até mesmo sem vencer, contando com uma combinação de resultados.

O time dirigido por Miguel Ángel Russo, treinador campeão da Taça Libertadores com o Boca Juniors em 2007, está fora da elite desde 2010, mas lidera a segunda divisão de maneira isolada, com 65 pontos. O Gimnasia La Plata, segundo colocado, soma 60.

Na equipe azul e amarela foi formado o meia Ángel Di María e pela qual brilharam grandes jogadores como Mario Kempes, César Menotti, Kily González, Juan Antonio Pizzi e Juan Antonio Chamot, entre outros.

Num torneio que classificará três times para a elite, o Rosário tem 13 pontos a mais que o quarto colocado, o Sarmiento. Assim, o acesso será garantido repetindo contra o Gimnasia Jujuy o resultado obtido pelo dono da quarta posição na visita ao Ferro, que aparece em 15º. A zona de classificação atual ainda tem o Olimpo, em terceiro, com um ponto a menos que o Gimnasia La Plata.

A ascensão do Rosário pode acontecer em meio à grande fase de seu principal rival, o Newell's Old Boys, líder do Torneio Final do Campeonato Argentino e presente nas quartas de final da Taça Libertadores, em que terá pela frente o Boca Juniors.

EFE   
publicidade