PUBLICIDADE

Rivais em campo, Botafogo e Fluminense travam 'batalha sadia' por sócios-torcedores

Botafogo e Fluminense têm crescimento recente em sócios-torcedores e duelam em partida decisiva por pretensões para o G6 do Brasileirão

26 jun 2022 - 05h43
(atualizado às 10h49)
Ver comentários
Publicidade

O domingo será de clássico no Rio de Janeiro. No Estádio Nilton Santos, o Botafogo recebe o Fluminense, às 16h, pela 14ª rodada do Brasileirão. Além da rivalidade dentro das quatro linhas, os clubes têm travado uma disputa sadia em outro departamento: os números de sócios-torcedores. Assim, o embate promete ser marcado também pelas torcidas, que "brigam" para ver qual é a mais engajada.

Mário Bittencourt, do Fluminense, e Jorge Braga, do Botafogo (Fotos: Lucas Merçon/Fluminense; Vítor Silva/Botafogo)
Mário Bittencourt, do Fluminense, e Jorge Braga, do Botafogo (Fotos: Lucas Merçon/Fluminense; Vítor Silva/Botafogo)
Foto: Lance!

Desde o lançamento dos planos, o Flu tem feito campanhas pela associação em massa. Em 2020, a torcida aderiu à iniciativa e criou a hashtag #ÉPeloFlu, que visava conscientizar tricolores da importância dos sócios para a saúde financeira do clube. Após um período de crescimento, contudo, a contagem estagnou. A pandemia da Covid-19, que fechou os portões dos estádios, também contribuiu.

Nesta temporada, a diretoria tricolor voltou à ofensiva. Promessa de campanha de Mário Bittencourt, planos a preços populares foram lançados no último mês. A resposta foi imediata: em poucos dias, o Tricolor chegou à marca de 40 mil associados. Além dos descontos, o clube passou a oferecer experiências em jogos como mandante e tem utilizado o elenco para reforçar a campanha. Até o momento de publicação desta reportagem, o Flu tinha 41.904 associados.

O Botafogo passa por momento semelhante: em fase positiva com a torcida desde a compra da SAF por parte de John Textor, o plano "Camisa 7" ganhou mais de 20 mil sócios em 2022 - e a tendência é seguir no alto.

Os programas foram remodelados no ano passado, quando Durcesio Mello assumiu a presidência do Alvinegro. De novos preços até a direito de voto, o Glorioso buscou algo mais atrativo para o torcedor. Até o momento da publicação desta matéria, o clube conta com 43.199 associados.

Enquanto a partida deste domingo é fundamental visando os objetivos de ambos quanto a busca pelo G6 do Brasileirão, as torcidas fora de campo vão mostrando um show de apoio.

Lance!
Publicidade
Publicidade