1 evento ao vivo

Presidente do Santos será um dos chefes de delegação do Brasil

14 mai 2018
18h10
atualizado às 18h10
  • separator
  • 0
  • comentários

A Seleção Brasileira terá três chefes de delegação durante sua preparação para a Copa do Mundo da Rússia. José Carlos Peres, presidente do Santos, Nelson Mufarrej, mandatário do Botafogo, e Rogério Caboclo, eleito o novo presidente da CBF e que assumirá o cargo em abril do ano que vem, foram os escolhidos para encabeçarem o grupo liderado pelo técnico Tite.

"Nosso chefe de primeiro período será o Peres [presidente do Santos]. Nelson Mufarrej [presidente do Botafogo] depois e Caboclo na nossa preparação já em Copa do Mundo", afirmou o coordenador de seleções da CBF, Edu Gaspar.

José Carlos Peres assumirá a função de chefe de delegação na próxima segunda-feira, quando parte do elenco se apresentará na Granja Comary, em Teresópolis, para a primeira das três fases de preparação para a Copa do Mundo. Atletas e comissão permanecerão na região serrana do Rio de Janeiro até o dia 27, quando viajam para a Inglaterra.

Na Terra da Rainha, Nelson Mufarrej é quem será o chefe de delegação do Brasil. Por lá, os comandados de Tite enfrentarão a Croácia, no dia 3 de junho, em Anfield, estádio do Liverpool. Já no dia 10 o time pentacampeão do mundo viaja até Viena, na Áustria, para encarar a seleção local.

Por fim, Rogério Caboclo, futuro presidente da CBF e que conta com o apoio de Marco Polo Del Nero, ex-mandatário da entidade que foi banido de qualquer função relacionada ao futebol pela Fifa, fecha o revezamento de chefes de delegação. Ele 'tomará posse' do cargo em Sochi, no dia 10, quando a Seleção Brasileira se despede da Áustria e desembarca no balneário russo, local que ficará o 'QG' canarinho durante todo o torneio.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade