2 eventos ao vivo

Pottker estreia com gol, mas Inter tropeça em casa pela Série B

20 mai 2017
21h07
atualizado às 21h13
  • separator
  • comentários

Depois de atropelar o Londrina fora de casa logo em sua estreia no Campeonato Brasileiro da Série B, o Internacional frustrou sua torcida logo em seu primeiro compromisso no Beira-Rio pela competição que vale o acesso à elite do futebol nacional. Depois de sair na frente do ABC-RN com gol do estreante William Pottker, o Colorado pecou no momento de 'matar' o jogo e acabou castigado no segundo tempo por Adriano Pardal, autor do gol que definiu o placar em 1 a 1 em Porto Alegre.

Dessa forma, o Inter se junta a mais quatro equipes que também somam quatro pontos. Por causa do saldo de gols, os gaúchos se mantêm à frente desse grupo, justamente na quarta colocação. Já o ABC, depois do segundo empate seguida, é o 11º na tabela.

A torcida colocara fez o que se esperava dela. Para demonstrar todo seu amor pelo clube, que vive uma realidade inédita em sua história, que é jogar a Série B, uma grande festa foi armada antes do início da partida. Luzes e muita fumaça embelezaram o Beira-Rio.

Para retribuir, o Inter foi ao ataque desde os primeiros minutos afim de conseguir o gol sem maiores delongas. William Pottker, grande contratação do ano, criou a primeira jogada perigosa logo aos seis minutos. Oswaldo por pouco não marcou contra na conclusão do lance.

O gol parecia questão de tempo, e foi. Aos oito, Uendel fez jogada pela esquerda e cruzou. Pottker se atirou na bola e por pouco não abriu o placar. Na sequência do jogo, o camisa 99 ficou no quase pelo menos mais três vezes. Aos 21, então, Marcelo Cirino teve a melhor oportunidade até então, mas também desperdiçou, dessa vez cara a cara com o goleiro Edson.

De tanto insistir, o Internacional chegou ao seu gol no último lance antes do intervalo. Parecia replay da jogada do início da partida. Uendel avançou com liberdade pela esquerda e mandou para a área. A bola passou por todo mundo, mas não passou por Pottker, que de novo teve de se atirar na bola. Dessa vez, no entanto, ele alcançou e saiu para o abraço.

Depois de mais uma linda festa nas arquibancadas durante a pausa no jogo, os donos da casa voltaram dispostos e matar o jogo e garantir a vitória. Nico López e D'Alessandro perderam duas oportunidades de ouro para marcar. Aos poucos, porém, o Inter foi cansando e o ABC crescendo.

Aos 14, um susto. Zotti chegou a empatar a partida, mas a arbitragem corretamente anulou o lance por causa da posição irregular do atleta. Não valeu, mas a jogada empolgou os nordestinos, que se livraram de novo de levar um gol aos 24, quando o Inter bombardeou Edson com três finalizações em sequência, dentro da área.

Aso 32, porém, o Inter pagou pela ineficiência no ataque. Dalberto fez fila na lateral direita, passou por três jogadores, entrou na área e só rolou. Adriano Pardal, livre, teve o trabalho apenas de empurrar para as redes. Tudo igual e muita lamentação no Beira-Rio.

Os minutos finais do jogo, como não podia deixar de ser, foram de muita pressão dos Colorados, que buscaram a vitória a todo custo, mas abusaram das bolas aéreas, tudo que o ABC queria para segurar o resultado e voltar para Natal com um ponto importante. Após o apito final, o clima de frustração foi inevitável para os Colorados, que ficaram entre as vaias e os aplausos tímidos dos torcedores.

Na próxima rodada, o Inter terá a missão de enfrentar o Paysandu, em Belém, no sábado, enquanto o ABC visitará o Náutico no mesmo dia.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 1 ABC-RN

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Data: 20 de maio de 2017, sábado

Horário: 19h (de Brasília)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ)

Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque e Michael Correia (ambos do RJ)

Cartões amarelos: ABC: Anderson Pedra e Adriano Pardal.

Público: 23.621 pagantes (27.605 total)

Renda: R$ 516.688,00

GOLS:

INTER: William Pottker, aos 44 minutos do 1T.

ABC: Adriano Pardal, aos 32 minutos do 2T

INTERNACIONAL: Daniel; William, Léo Ortiz, Victor Cuesta, Uendel (Carlinhos); Rodrigo Dourado, Felipe Gutiérrez (Roberson) e D'Alessandro; Marcelo Cirino (Diego), Nico López e William Pottker.

Técnico: Antônio Carlos Zago

ABC-RN: Edson; Bocão (Levy), Oswaldo, Cleiton e Eltinho; Anderson Pedra, Felipe Guedes, Gegê, Zotti (Adriano Pardal) e Erivélton (Dalberto); Nando.

Técnico: Geninho

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade