9 eventos ao vivo

Por 'rodagem', Aguirre empresta jogadores ao sub-23 do São Paulo

Equipe sub-23 vem sendo reforçada por jogadores que já treinam e jogam com o elenco principal

26 set 2018
05h12
  • separator
  • 0
  • comentários

Com semanas cheias apenas para treinar, já que só tem o Campeonato Brasileiro com que se preocupar, o técnico Diego Aguirre vem aproveitando o tempo livre para recuperar fisicamente os principais jogadores do São Paulo. Por outro lado, o intervalo longo entre os jogos cria um problema secundário: a molecada que já treina no elenco principal, mas não costuma entrar nas partidas, fica "ociosa".

A solução tem sido emprestá-la ao grupo que disputa o Brasileiro de Aspirantes para que ganhem "rodagem". Na última terça à tarde, por exemplo, seis atletas que frequentam o CT da Barra Funda foram cedidos ao time sub-23, que enfrentou e venceu o América-MG por 2 a 0, no Morumbi: o goleiro Lucas Perri, o zagueiro Rodrigo, o lateral Caíque, o volante Luan, o meia Igor Gomes e o atacante Brenner.

Os dois gols, aliás, foram justamente de Brenner, promovido no ano passado ao elenco de cima. Há uma semana, ele também havia deixado sua marca em outra vitória no Brasileiro de Aspirantes, sobre o Atlético-PR, por 3 a 2 - quando Perri, Caíque e Igor Gomes também foram cedidos por Aguirre ao técnico Marcos Vizolli, do sub-23.

"A gente que vem do profissional só vem para somar. Fico feliz em 'descer', fazer os gols e procurar ajudar de alguma maneira sempre que estou à disposição", afirmou Brenner, ao canal oficial do São Paulo no YouTube.

A ideia é deixar esses garotos preparados em caso de urgência no time de cima. O volante Luan, por exemplo, jogou quatro vezes no Campeonato Brasileiro quando Aguirre acumulou seguidos problemas em seu meio-campo - Jucilei estava lesionado e Hudson, suspenso. Como atualmente o São Paulo vem contando com todos os volantes à disposição, Luan não foi mais aproveitado e acabou cedido ao sub-23 pela primeira vez.

Já o goleiro Lucas Perri, hoje terceira opção no elenco principal, atrás de Sidão e Jean, vem sendo titular no Aspirantes. Por mais que esteja diariamente no CT da Barra Funda trabalhando com Marco Antônio Trocourt e Octávio Ohl, preparadores de goleiros da comissão técnica de Aguirre, e não concentrado com a garotada em Cotia, sede das divisões de base do clube.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade