6 eventos ao vivo

Maicon Bolt promete aproveitar 'oportunidade de ouro' no Atlético-MG

Atacante vai ocupar a vaga que vinha sendo do uruguaio David Terans

28 mar 2019
14h59
atualizado às 14h59
  • separator
  • 0
  • comentários

A presença de Maicon Bolt entre os titulares pode ser a principal novidade do Atlético-MG para o jogo de ida das semifinais do Campeonato Mineiro, sábado, em Varginha, contra o Boa. O atacante foi testado na formação titular no treinamento da última quarta-feira, ocupando a vaga que vinha sendo do uruguaio David Terans nos jogos mais recentes, e agora vive a expectativa de receber uma oportunidade do técnico Levir Culpi.

"Estou focado porque é uma oportunidade de ouro e, se eu for escolhido, espero corresponder e agarrar da melhor forma essa chance. Tenho que fazer algo diferente, algumas jogadas que, talvez, o time não esteja fazendo, buscar coisas diferentes para poder chamar a atenção do Levir e da torcida, para me abraçar e me ajudar nesse momento. Então, se eu tiver a oportunidade de sair jogando, preciso fazer algo diferente para que eu possa me manter e ter uma sequência, o que é muito importante", afirmou, em entrevista coletiva nesta quinta-feira na Cidade do Galo.

Contratado pelo Atlético no início do ano após passagem pelo futebol turco, Maicon Bolt já disputou sete jogos pelo clube, com um gol marcado, mas só foi titular duas vezes, em compromissos do Campeonato Mineiro em que os principais atletas foram poupados. Essa, portanto, seria a sua principal oportunidade no time. O atacante explicou que uma lesão na coxa direita e uma virose o impedem de estar 100%. Mas garante que isso não será problema para exibir o seu melhor em campo.

"Ainda não estou 100% devido à minha lesão e a essa virose, mas preciso jogar. A gente só vai ganhando forma física se estiver jogando, treinando forte, e é isso que tenho feito. Em relação à titularidade, o Levir me colocou, mas ainda não sei o que vai acontecer", disse o atacante. "Vamos aguardar o que o Levir vai fazer, mas fico feliz por estar entre as primeiras escolhas dele. Isso mostra que tenho trabalhado, tenho mostrado e o deixado feliz, de alguma forma", acrescentou o camisa 11.

Se Levir decidir sacar Terans do time, a outra opção para escalar o setor ofensivo é o colombiano Chará, que estava na sua seleção nacional e perdeu os primeiros treinos da semana. Até por isso, Maicon Bolt evita se empolgar antes da confirmação do time para o duelo com o Boa e exalta as opções para o setor ofensivo do elenco.

"Quem tem a ganhar é o Galo, com muitas opções. Infelizmente, está trocando bastante aquele lado, mas vou tentar fazer o meu melhor se eu for escolhido. Então, se eu tiver a oportunidade, espero fazer um grande jogo, ajudar o Galo e me firmar como titular", comentou.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade