1 evento ao vivo

Mãe de Cristiano Ronaldo revela preferência por retorno do filho ao United

30 mai 2018
15h01
atualizado às 15h03
  • separator
  • comentários

Enquanto os jogadores do Real Madrid festejavam a conquista da terceira Liga dos Campeões consecutiva, no último sábado, Cristiano Ronaldo chamou os holofotes para si com uma declaração que chamou a atenção de todos pelo tom e o momento em que foi dada. Ainda no gramado, o craque português indicou que a decisão contra o Liverpool foi sua última partida pelo time merengue e poderia buscar novos ares após a Copa do Mundo.

Ao dizer que "foi bonito jogar no Real Madrid", CR7 se tornou um novo protagonista do mercado de transferências e entre os possíveis destinos do português, estão uma nova experiência no Paris Saint-Germain ou um retorno ao Manchester United. Nesse cenário, a mãe do camisa sete já se posicionou sobre qual seria sua preferência.

"Eu gosto de Paris. Vou lá de vez em quando. A última foi quando o meu filho ganhou a sua última Bola de Ouro. Sempre que vou sou muito bem tratada. Agora, para dizer a verdade, eu preferia que o Cristiano (Ronaldo) regressasse ao Manchester United, mas não me importaria se ele optasse pelo PSG", disse Dolores Aveiro ao canal francês SFR Sports.

Formado nas categorias de base do Sporting, Cristiano Ronaldo foi contratado pelo Manchester United em 2003 e no clube inglês atingiu o protagonismo no cenário mundial, ganhando sua primeira Liga dos Campeões e a primeira Bola de Ouro, em 2008. Nesta quarta-feira, porém, foi divulgado no jornal As que o PSG estaria disposto a pagar 150 milhões de euros (cerca de R$ 646 milhões) para tirar o craque do Real Madrid, onde joga desde 2009.

Com contrato vigente até junho de 2021 com o Real, Cristiano Ronaldo deve ter seu futuro definido apenas após a Copa do Mundo, quando o camisa sete e capitão tenta levar a seleção de Portugal ao primeiro título Mundial. Em 2016, na Eurocopa, o o jogador já teve participação efetiva em uma campanha vitoriosa do país, mas acabou substituído na final por conta de uma lesão.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade