1 evento ao vivo

Liverpool se nega a negociar Luís Suárez, apesar do jogador querer sair

7 ago 2013
07h49
atualizado às 08h48

O jogador uruguaio Luis Suárez pediu ao Liverpool que cumpra a promessa feita no ano passado e deixe o atacante trocar de clube para viver o sonho de disputar a Liga dos Campeões.

Em declarações aos jornais britânicos "The Guardian" e "The Daily Telegraph", publicadas nesta quarta-feira, Suárez, de 26 anos, afirmou que o clube inglês concordou em deixar o atacante sair da equipe se não conseguisse se classificar para a competição europeia e se mostrou disposto a forçar sua transferência antes de 2 de setembro.

"No ano passado tive a oportunidade de jogar em uma grande equipe europeia, mas fiquei na condição que, se não conseguíssemos nos classificar para a Liga dos Campeões, me deixariam ir", revelou o uruguaio, segundo artilheiro do Campeonato Inglês com 23 gols.

O Liverpool terminou a competição no sétimo lugar, sem conseguir se classificar para nenhuma competição europeia na próxima temporada, por isso que Suárez exige que o "acordo seja cumprido".

"Falei em privado muitas vezes sobre meu desejo e acho que agora já é hora de divulgar", comentou o jogador.

Por sua vez, o técnico Brendan Rodgers reiterou nesta quarta que o clube não tem intenção de se desfazer do uruguaio.

"Não temos nenhuma intenção de vender um dos melhores jogadores do mundo para um de nossos rivais. A mensagem está muito clara: Luis Suárez é jogador do Liverpool", ressaltou o treinador.

No centro da batalha por sua saída está a cláusula de rescisão incluída no último contrato assinado por Suárez com a equipe em agosto e que chega a mais de 40 milhões de libras.

Enquanto o jogador considera que pode sair no momento em que algum outro clube oferecer essa quantidade, o Liverpool a contempla como uma barreira a partir da qual é preciso negociar, sem a obrigação de vender.

"Me deram a palavra há um ano e agora quero que cumpram. Não é algo verbal com o treinador, mas algo que está escrito no contrato. Não é que queria sair para prejudicar o Liverpool", comentou.

Suárez considera que sua lealdade ao Liverpool foi demonstrada no ano passado, quando teve a oportunidade de ser contratado por um clube classificado para a Liga dos Campeões.

O uruguaio chegou ao Liverpool em janeiro de 2011 procedente do Ajax, que recebeu 22,8 milhões de libras.

Por enquanto, o Arsenal fez duas ofertas pelo atacante e a última superava a barreira 40 milhões de libras, mas o Liverpool as rejeitou por considerar que não é obrigado a vender sua estrela.

EFE   
publicidade