0

Esposa de Benedetto provoca River Plate com alusão à Série B

12 nov 2018
09h03
  • separator
  • comentários

O River Plate eliminou o atual campeão Grêmio da Libertadores para chegar até a final de 2018, mas nem isso e nem o recente título de 2015 da competição fizeram Noelia Pons, esposa de Darío Benedetto, esquecer o rebaixamento do time em 2011. No domingo, ela levou os filhos para assistir o jogo de ida da grande decisão e aproveitou para alfinetar os rivais. Enquanto a menina vestia as cores da equipe, o menino, um pouco mais velho, estava fantasiado de fantasma, com um "B" vermelho pintado por toda a roupa.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

💙💛💙👻👻👻💙💛💙

Uma publicação compartilhada por Noelia Pons ⚡️ (@noeliabpons) em

A partida entre Boca Juniors e River Plate foi adiada de sábado para domingo por conta das fortes chuvas. Em campo, o placar ficou em 2 a 2, sendo um dos gols marcados justamente por Benedetto. Saído do banco, ele mostrou mais uma vez que tem estrela e deixou seu tento ainda no final do primeiro tempo, após substituir Pavón, lesionado.

Benedetto já havia castigado outro rival na Libertadores, o Palmeiras. Assim como contra o River, ele saiu do banco e conseguiu marcar três gols em duas partidas das semifinais. Dois deles foram na Bombonera, como no último domingo, e um foi no Allianz Parque.

VEJA MAIS:

Após empate, Pratto e Minola não veem River em vantagem

Veja fotos de Boca x River na final da Libertadores

Benedetto vê Boca melhor e Schelotto afirma: "Tínhamos que ter ganhado"

Com o placar em igualdade entre Boca e River, a decisão fica para o dia 24 de novembro, no Monumental de Núñez. Na final o critério de gol fora de casa não vale e, por isso, qualquer vitória para ambas as equipes garante o título da Libertadores de 2018.

River Plate e Série B

Em 26 de junho de 2011, data na qual o River completava 15 anos do bicampeonato da Libertadores, o time foi rebaixado para a Série B do Campeonato Argentino ao empatar com o Belgrano por 1 a 1 em pleno Monumental, com pênalti desperdiçado. Foi a primeira e única vez que o time caiu para a segunda divisão.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade