0
Logo do Liga Europa
Foto: terra

Liga Europa

Lacazette marca 2 e Arsenal vira sobre o Valencia na semifinal da Liga Europa

Atacante francês comanda triunfo por 3 a 1 sobre equipe espanhola no estádio Emirates, em Londres

2 mai 2019
18h14
atualizado às 19h06
  • separator
  • 0
  • comentários

Com dois gols do atacante francês Alexandre Lacazette, o Arsenal buscou a virada sobre o Valencia, pelo placar de 3 a 1, nesta quinta-feira, e abriu vantagem na semifinal da Liga Europa. Jogando em casa, no Emirates Stadium, o time londrino levou um susto, mas soube aproveitar o mando de campo para pressionar o rival e vencer o jogo de ida.

O resultado deixou o time inglês mais perto da final da Liga Europa. Um empate ou até mesmo uma derrota por um gol de diferença no jogo da volta, na próxima quinta, dia 9, confirmará a classificação. Já o Valencia tentará usar a vantagem de jogar no Mestalla para reverter a derrota desta quinta.

O vencedor deste confronto terá pela frente na grande final o vitorioso do duelo entre Chelsea e Eintracht Frankfurt, que empataram por 1 a 1 também nesta quinta, em solo alemão. A decisão está marcada para o dia 29 deste mês, em Baku, no Azerbaijão.

O confronto no Emirates Stadium começou surpreendentemente com o Valencia no ataque. Foi do time espanhol a primeira boa chance do jogo. Aos 7 minutos, uma cobrança de falta na área assustou o goleiro Petr Cech. A defesa tentou fazer a linha de impedimento, mas foi surpreendida por rápido cruzamento rasteiro, que Ezequiel Garay, na pequena área, inesperadamente finalizou por cima do travessão.

Mais ofensivo, o Valencia abriu o placar três minutos depois. Após cobrança de escanteio na área, Rodrigo escorou na segunda trave e a bola sobrou para Mouctar Diakhaby cabecear para as redes, entre três marcadores, quase em cima da linha.

A festa espanhola não durou muito tempo. Lacazette precisou de oito minutos para virar o placar. Aos 17, Pierre-Emerick Aubameyang investiu pela esquerda, atraiu a marcação e o goleiro e deu passe açucarado para Lacazette, livre de qualquer marcador, só empurrar para as redes.

O francês voltou à carga aos 25. Após cruzamento da direita, Lacazette cabeceou na área, o goleiro brasileiro Neto falhou e só conseguiu fazer a defesa já dentro das redes. O árbitro confirmou o lance pela tecnologia da linha de gol.

Depois de buscar a virada, o Arsenal não desacelerou e seguiu melhor em campo no segundo tempo. Diante de um acuado Valencia, o time da casa impôs pressão nos primeiros 20 minutos da etapa final e criou boas oportunidades para abrir uma goleada. Só não o fez porque Lacazette trocou de papel: de herói passou a virar o vilão do ataque londrino.

Aos 17, Aubameyang descolou grande cruzamento da esquerda, mas o atacante francês furou ao tentar a cabeçada. Três minutos depois, mesmo em posição de impedimento (não marcado pela arbitragem), Lacazette perdeu duas chances em sequência na pequena área.

Nos instantes finais do duelo, o Arsenal sacramentou o triunfo aos 45 minutos. Desta vez, após atuar como "garçom", Aubameyang definiu a partida ao completar cruzamento da esquerda na pequena área.

A boa vantagem do Arsenal deve amenizar a sequência ruim do time na temporada. O time vinha de três derrotas consecutivas, todas no Campeonato Inglês, colocando em risco a classificação à Liga dos Campeões através da competição nacional - a vaga também poderá vir se vier a faturar o título da Liga Europa.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade