0

Ituano supera expulsão, derrota Mirassol e assume liderança no Paulista

15 fev 2019
20h39
atualizado às 20h39
  • separator
  • 0
  • comentários

Abrindo a 7ª do Campeonato Paulista o Ituano recebeu o Mirassol, no Novelli Júnior, em Itu, na noite desta sexta-feira, e venceu por 2 a 0. O time da casa superou expulsão na etapa final, conseguiu um importante triunfo na competição e assumiu a liderança do Grupo D.

A primeira etapa da partida foi eletrizante. Grandes oportunidades foram criadas pelos dois times, porém a finalização foi o maior problema. O time que ficou mais próximo de abrir o placar foi o visitante, aos 24 minutos. Depois do árbitro assinalar uma penalidade, Rodolfo foi para a cobrança, mas desperdiçou. Nos minutos seguintes apenas o clube de Itu atacou. Claudinho e Morato perderam duas grandes chances e o jogo foi para o intervalo zerado.

Na segunda etapa uma chuva torrencial em Itu atrapalhou ambas as equipes. Apesar da boa drenagem do gramado, os dois times tiveram dificuldade para criar jogadas. Aos 23 minutos o lateral-esquerdo Peri, do Ituano, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso pelo árbitro. Apesar da desvantagem numérica em campo, os mandantes marcaram, com Morato e Léo Santos, aos 33 e 36 minutos, respectivamente, e decretaram números finais à partida.

Com esse resultado o time de Itu ultrapassa o São Paulo e assume a liderança do Grupo D, com 10 pontos, enquanto o de Mirassol segue na lanterna do Grupo C, com 5.

Na próxima rodada, o Ituano visitou a Ponte Preta, no Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, no dia 24, domingo, às 17h (de Brasília). Já o Mirassol recebe o São Bento, no Municipal de Mirassol, na sexta-feira, dia 22, às 18h45 (de Brasília).

O jogo

A primeira chance do jogo foi dos visitantes aos 9 minutos da etapa inicial. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Leandro Amaro subiu sozinho, mas cabeceou por cima do gol.

Menos de três minutos depois, a equipe de Itu quase balançou as redes. O volante Baralhas roubou a bola no meio de campo, partiu em velocidade e, da entrada da área, chutou rasteiro. A bola não ganhou muita força e saiu pela linha de fundo, raspando a trave direita do gol adversário.

A melhor oportunidade do primeiro tempo aconteceu aos 24 minutos da etapa inicial, com Rodolfo perdendo pênalti. No minuto anterior, depois de tabelar com Felipe Augusto, Simão chutou firme, da entrada da área, e a bola bateu no lateral Jonas, que interrompeu o percurso da bola com um carrinho. O árbitro entendeu que a bola bateu no braço do jogador e assinalou a penalidade. Na cobrança, o atacante cobrou forte e mandou para fora, à esquerda do gol.

O Ituano voltou a atacar aos 38 minutos da primeira etapa. Martinelli fez grande jogada individual pela esquerda e rolou para Claudinho. O atacante pegou muito embaixo da bola e perdeu grande oportunidade para o time da casa.

No minuto seguinte a equipe de Itu teve mais uma oportunidade, com Corrêa. O experiente volante e capitão da equipe avançou pelo meio e, da entrada da área, chutou firme. A bola passou raspando o travessão e foi para fora.

Aos 43 minutos, os mandantes tiveram a última oportunidade da primeira etapa. Martinelli fez uma excelente jogada pela ponta e tocou para o meio da área. Com o goleiro Tiago Cardoso fora do lance, Morato acertou o travessão e perdeu uma chance inacreditável.

Já na etapa final, aos 20 minutos, o Mirassol criou uma boa jogada, com Maílton. O lateral avançou pelo lado direito e bateu forte da entrada da área, porém o goleiro Pegorari fez grande defesa e espalmou para a linha de fundo.

O Ituano abriu o placar aos 33 minutos do segundo tempo, com Morato. O volante Baralhas avançou pela direita e bateu firme, de fora da área. O goleiro Tiago Cardoso fez boa defesa, porém não agarrou a bola. No rebote, o atacante apareceu sozinho e mandou para o fundo das redes.

Três minutos depois, o time da casa voltou a balançar as redes. Morato bateu o escanteio, Martinelli desviou a bola, e o zagueiro Léo Santos cabeceou no canto de Tiago Cardoso, que escorregou e não evitou o gol.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade