PUBLICIDADE

Treinador da melhor campanha da Costa Rica em Copas, Jorge Pinto fortalece relação com o Brasil

Colombiano fala português e estuda em solo verde e amarelo, mas nunca trabalhou no país

1 dez 2021 17h47
ver comentários
Publicidade

A Costa Rica se lembra da Copa do Mundo realizada no Brasil em 2014, quando a equipe fez uma fase de grupos histórica, ao derrotar a tetracampeã Itália por 1 a 0, empatar com a Inglaterra sem gols e vencer o Uruguai por 3 a 1. Após o avanço para as oitavas de final contra a Grécia, nos pênaltis, parou na Holanda, nas quartas de final. Um dos responsáveis pela façanha, o treinador Jorge Pinto comandou a equipe para uma conquista histórica e de muito peso para o futebol costarriquenho.

Jorge Pinto se destacou no comando da Costa Rica na Copa de 2014 (Foto: AFP / RONALDO SCHEMIDT)
Jorge Pinto se destacou no comando da Costa Rica na Copa de 2014 (Foto: AFP / RONALDO SCHEMIDT)
Foto: Lance!

Jorge teve passagens por grandes clubes da América, como Deportivo Cali, Millonarios, Santa Fé-COL, Allianza Lima-PER e seleções como Colômbia e Costa Rica, além de treinar os Emirados Árabes Unidos.

O colombiano, mesmo sem nunca ter treinado uma equipe no futebol brasileiro, também fala fluentemente a língua portuguesa, além de estudar no Brasil. Isso foi determinante para Jorge Luís Pinto criar um forte vínculo com o país, além de conhecer de perto a cultura do futebol, um ponto importante para treinadores estrangeiros.

Seu último trabalho por clubes foi no Millonarios, onde conquistou 22 vitórias em 48 jogos. Já por seleções, o último trabalho do treinador foi nos Emirados Árabes Unidos, em 2020.

Além disso, Jorge tem uma vasta lista de campeonatos conquistados, também por clubes e seleções. O treinador já levantou uma taça da primeira divisão da Venezuela, uma da Liga Peruana, uma da Liga da Costa Rica, uma do torneio Apertura da Venezuela, além de dois títulos de clausula na Colômbia, todos na elite do futebol em seus respectivos países. O treinador também foi o responsável por duas conquistas da Copa Centroamericana UNCAF.

Lance!
Publicidade
Publicidade