PUBLICIDADE

Com gol e assistência de brasileiro, Sporting vence clássico contra o Benfica e segue na cola do líder Porto

3 dez 2021 20h27
| atualizado às 20h27
ver comentários
Publicidade

Nesta sexta-feira, pela 13ª rodada do Campeonato Português, o Sporting venceu o clássico contra o Benfica por 3 a 1, fora de casa, e se manteve na cola da liderança do torneio. Com o resultado, aliás, os Leões também quebraram um tabu de seis anos sem vencer no Estádio da Luz.

Mesmo atuando longe de seus domínios, os visitantes iniciaram a primeira etapa com tudo. Com o relógio marcando apenas oito minutos, Sarabia recebeu bom lançamento de Pedro Gonçalves e bateu de primeira para marcar um golaço. Aos 38, quase saiu mais um. Pote foi acionado por Sarabia e soltou uma pancada na trave.

Já no segundo tempo, os anfitriões enfim entraram no jogo. Aos 15 minutos, Darwin subiu mais que a defesa após cobrança de escanteio e testou no travessão. No lance seguinte, João Mario recebeu bom passe na marca do pênalti, mas bateu fraco e facilitou a defesa de Adán.

E o tento perdido acabou custando muito caro. Isso porque, no contra-ataque, Matheus Nunes achou grande passe para Paulinho, que tocou com muita categoria na saída de Vlachodimos para ampliar. Aos 24, foi a vez do próprio Matheus Nunes deixar a sua marca. O brasileiro saiu cara a cara com o goleiro e encheu o pé para estufar as redes.

Nos acréscimos, ainda deu tempo de Pizzi marcar o gol de honra dos donos da casa, em um belo arremate colocado, sem chances para o arqueiro. A reação, no entanto, foi interrompida pelo apito final do árbitro.

Com o resultado, o Sporting se manteve na segunda colocação, com os mesmos 35 pontos do líder Porto. Já o Benfica se distanciou da ponta. Os Encarnados estacionaram nos 31 pontos, em terceiro.

Mais cedo, o Porto derrotou o Portimonense por 3 a 0, fora de casa, com gol de Pedro Sá (contra), Vitinha e Otávio. Com o triunfo, portanto, os Dragões se mantiveram na ponta do campeonato, com 35 pontos.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade