0

Palmeiras e São Paulo têm jogos difíceis até o fim do BR18

Os calendários de Palmeiras e São Paulo são os mais difíceis entre os times do G6

4 out 2018
09h03
atualizado às 16h42
  • separator
  • 0
  • comentários

Mesmo com os jogos decisivos da Copa Libertadores e da Copa do Brasil, é impossível não lembrar de quão acirrado está o Campeonato Brasileiro nesta temporada. No último final de semana, houve troca da liderança, com o Palmeiras assumindo a ponta, mas, mesmo assim, Internacional, com a mesma pontuação, e São Paulo, com um ponto a menos, seguem na cola. A 11 rodadas do fim, os confrontos pela frente podem decidir quem será o campeão - lembrando que Grêmio (50 pontos) e Flamengo (49) correm por fora.

Os calendários de Palmeiras e São Paulo são os mais difíceis entre os times do G6
Os calendários de Palmeiras e São Paulo são os mais difíceis entre os times do G6
Foto: Thiago Bernardes/FramePhoto/Gazeta Press e Mauro Horita/Gazeta Press / Terra

Já no próximo sábado, pela 28ª rodada, o tricolor paulista enfrenta o atual líder no Morumbi. Com promessa de recorde de público, é a oportunidade de ou o Palmeiras se distanciar mais ou o São Paulo reconquistar a liderança, isso, claro, se o Internacional, que enfrenta o Sport fora de casa um dia antes, não vencer também. Em relação ao Choque-Rei, vale lembrar que a última vitória alviverde no estádio foi apenas em 2002, com o famoso gol de Alex dando um chapéu em Rogério Ceni, com o placar final em 4 a 2.

Ouça o podcast Terra Futebol:

As outras partidas do Palmeiras também não serão fáceis: recebe o Grêmio, classificado para a Libertadores, e o Ceará, que saiu da zona de rebaixamento na última rodada e segue em ascensão. No dia 25 de outubro será a vez de viajar para o Rio de Janeiro e enfrentar o quinto colocado Flamengo e, no início de novembro, receber o Santos para um clássico acirrado pelas polêmicas dos últimos anos. Depois dessa sequência, os comandados de Felipão enfrentam Atlético-MG, Fluminense, Paraná, América-MG, Vasco e Vitória, sendo que os dois primeiros compõem a primeira parte da tabela e os outros quatro se encontram em situação crítica na competição, o que pode dar um pouco mais de tranquilidade à equipe na reta final.

Em relação ao Internacional, a situação parece um pouco menos complicada: o único duelo direto pelas primeiras colocações será justamente contra o São Paulo, no dia 14 de outubro, no Beira-Rio. Depois, enfrenta Santos, Vasco, Atlético-PR, Ceará, América-MG, Botafogo, Atlético-MG, Fluminense e Paraná, sendo que seis das nove partidas serão em casa.

Assim como o Palmeiras, o São Paulo terá uma dura sequência pela frente. Além do próprio alviverde e o Colorado, o tricolor paulista enfrenta ainda Flamengo, Grêmio, Corinthians e Cruzeiro, permeado pelos compromissos contra o Atlético-PR, Vitória, Vasco, Sport e Chapecoense, esta última, que pode decidir um possível título na rodada final, fora de casa.

Se quiser encostar na ponta e levar o Brasileirão, o Grêmio vai ter que suar. Além de pegar o Palmeiras no dia 14, ainda enfrenta Atlético-MG, São Paulo, Flamengo e Corinthians, sendo que o restante dos seus jogos serão metade em casa e metade fora. O Flamengo, de igual forma, também terá um difícil trabalho, já que enfrenta Palmeiras, São Paulo, Grêmio, faz clássicos contra Fluminense e Botafogo e ainda pega Santos e Cruzeiro.

Apesar de estatísticas apontarem as maiores probabilidades de título para os dois primeiros colocados, às vezes os números erram. Ou acertam. É pagar para ver e encarar, assim como muitas equipes, cada jogo como uma grande final.

Veja também:

 

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade