3 eventos ao vivo
Logo do Liga dos Campeões
Foto: Terra

Liga dos Campeões

Liga dos Campeões define os dois últimos classificados às oitavas nesta quarta

No Grupo D, Atlético de Madrid e Bayer Leverkusen lutam por uma vaga

11 dez 2019
08h22
atualizado às 08h23
  • separator
  • 0
  • comentários

A Liga dos Campeões da Europa conhece nesta quarta-feira os dois últimos classificados às oitavas de final. As disputas estão abertas no Grupo D, em que Atlético de Madrid e Bayer Leverkusen brigam pela segunda vaga, e no C, em que três equipes ainda têm chances de se posicionarem na segunda colocação.

Com sete pontos, o Atlético de Madrid depende apenas de suas forças para se classificar. A equipe do técnico argentino Diego Simeone enfrenta o lanterna e já eliminado Lokomotiv Moscou, no estádio Wanda Metropolitano, em Madri. O Bayer Leverkusen, que tem seis pontos, recebe a já garantida Juventus na BayArena, na Alemanha.

"Por que acredito na equipe? Pelo que vejo porque eles trabalham", afirmou Simeone. "Todos estão comprometidos. Teremos um desafio enorme pela frente", completou o treinador, que terá apenas o atacante brasileiro naturalizado espanhol Diego Costa como desfalque.

O Bayer Leverkusen, que terá de vencer e ainda torcer pelo tropeço do Atlético de Madrid, não terá o atacante jamaicano Bailey, lesionado, para o jogo diante da Juventus. A equipe de Turim colocará em campo Cristiano Ronaldo, que quer melhorar os seus números na atual edição. O português marcou apenas uma vez.

A situação no Grupo C está embolada. O Manchester City é o único classificado e com 11 pontos já se garantiu na primeira posição. Shakhtar Donetsk (seis), Dínamo de Zagreb (cinco) e Atalanta (quatro) brigam pela segunda vaga.

Os ucranianos dependem apenas de seus forças contra os italianos, em casa. Já o time de Bérgamo terá de vencer como visitante e ainda torcer contra o Dínamo de Zagreb, que enfrenta o Manchester City, no estádio Maksimir, em Zagreb. Se o Shakhtar Donetsk perder, os croatas terão de ganhar para se garantirem nas oitavas de final.

"Acreditamos nas nossas opções. Encaramos o jogo como se fosse uma final. Vamos dar tudo para ganhar, temos de vencer em todos os quesitos importantes: força, físico e técnica", afirmou o meia argentino Alejandro Gómez, da Atalanta.

As partidas dos outros dois grupos são apenas para cumprir tabela. No A, Paris Saint-Germain (13 pontos) e Real Madrid (oito) já estão classificados em primeiro e segundo, respectivamente. Os franceses recebem o Galatasaray e os espanhóis visitam o Brugge. Turcos e belgas ainda buscam o terceiro lugar para irem à Liga Europa.

No Grupo B, Bayern de Munique e Tottenham entram em campo como os classificados. As equipes se reencontram dois meses depois dos alemães venceram por 7 a 2 na Inglaterra. A diferença é que os dois times terão outros treinadores no banco. A equipe da Alemanha trocou Niko Kovac pelo ainda interino Hans-Dieter Flick. Já os ingleses demitiram Mauricio Pochettino e contrataram José Mourinho.

"É um jogo importante porque estamos representando o Tottenham, o que nos dá uma enorme responsabilidade", afirmou Mourinho, que, no entanto, confirmou que vai colocar em campo uma equipe um pouco diferente. "Vai ser uma excelente oportunidade para alguns jogadores que tiveram poucos minutos desde que eu cheguei".

A outra partida do grupo será entre o Estrela Vermelha, terceiro colocado com três pontos, e o Olympiakos, o lanterna com um, na Grécia. O jogo será um confronto direto pela vaga na Liga Europa.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade