2 eventos ao vivo

De salvador improvável a "xodó" de Felipão, veja brasileiros da final

20 mai 2013
10h28
atualizado às 10h55
  • separator
  • 0
  • comentários

No início da atual temporada do futebol europeu, poucos no Brasil se lembravam de Felipe Santana, "aquele zagueiro" que apareceu muito bem no Figueirense. Ou sequer sabiam quem era Dante, um desconhecido no País que havia defendido a surpresa Borussia Monchengladbach no Campeonato Alemão. Mas hoje, quase um ano depois, estes são nomes já presentes na cabeça de muitos fãs de futebol. E no próximo sábado, estarão frente a frente na decisão da Liga dos Campeões, entre Bayern de Munique e Borussia Dortmund, no Estádio de Wembley, em Londres.

Além dos dois zagueiros já citados, a final reunirá outros dois brasileiros: Rafinha e Luiz Gustavo, ambos do Bayern. De todos eles, apenas Dante é titular de sua equipe, além de nome certo na Seleção Brasileira. Mas todos cumprem funções importantes no elenco, sendo que Felipe Santana chegou até mesmo a salvar o Borussia da eliminação nas quartas de final contra o Málaga. Conheça mais dos quatro atletas do País que estarão na final da principal competição de clubes da Europa.

Dante: de desconhecido a zagueiro de Seleção em um ano

<p>Dante é titular absoluto do Bayern de Munique</p>
Dante é titular absoluto do Bayern de Munique
Foto: EFE
Nome: Dante Bonfim Costa Santos
Idade: 29 anos
Altura: 1,89 m
Como joga: Zagueiro canhoto de muita força física e bom na bola aérea, também tem qualidade no passe – começou a carreira como volante

Talvez o único titular da final seja exatamente o menos conhecido no início da temporada. Dante começou no Juventude, em 2001, e saiu em 2004 para o Lille, da França, já convertido em zagueiro pelo técnico Ricardo Gomes. Após passagens por Charleroi e Standard Liege, da Bélgica, o defensor se destacou no Borussia Monchengladbach e despertou a atenção do Bayern, onde ganhou a vaga de titular rapidamente contra a concorrência de Boateng, Badstuber e Van Buyten. De quebra, virou nome certo na Seleção Brasileira e muito elogiado por Felipão.

Luiz Gustavo: após ser recusado no Brasil, o sucesso na Alemanha

<p>Luiz Gustavo é reserva no Bayern de Munique, mas vai jogar a Copa das Confederações</p>
Luiz Gustavo é reserva no Bayern de Munique, mas vai jogar a Copa das Confederações
Foto: AP
Nome: Luiz Gustavo Dias
Idade: 25 anos
Altura: 1,87 m
Como joga: Volante de marcação forte, muito fôlego e passes seguros com a perna esquerda. Também pode jogar na lateral

Assim como Dante, Luiz Gustavo saiu cedo do Brasil e não deixou sua marca no País onde nasceu. Revelado como profissional no Corinthians-AL, foi "fisgado" pelos olheiros do pequeno Hoffenheim, da Alemanha, em 2007. Após temporadas de destaque, em que o clube chegou à primeira divisão alemã, o brasileiro foi contratado pelo Bayern. O detalhe é que Luiz Gustavo, que é de Pindamonhangaba (SP), foi recusado em testes no Santos e no Flamengo no início da carreira.

Rafinha: destaque na Alemanha e polêmica por Olimpíada

<p>Rafinha não ficou sequer no banco de reservas na final de 2012 </p>
Rafinha não ficou sequer no banco de reservas na final de 2012
Foto: Getty Images
Nome: Márcio Rafael Ferreira de Souza
Idade: 27 anos
Altura: 1,71 m
Como joga: Lateral direito ofensivo, conta com muita velocidade e um chute forte. É melhor atacando do que defendendo

Rafinha começou a carreira se destacando no Coritiba, que defendeu entre 2002 e 2005, e também nas Seleções de base. Após brilhar no Mundial Sub-20 de 2005, foi contratado pelo Schalke 04, onde sempre teve boas atuações. Mas também ficou marcado por uma polêmica – participou da Olimpíada de 2008 pelo Brasil sem a anuência de seu clube e acabou multado em 700 mil euros. Após passagem rápida pelo Genoa, foi contratado pelo Bayern, onde hoje é reserva dos laterais Lahm e Alaba, titulares absolutos.

Felipe Santana: herói das quartas e de saída para o arquirrival

Nome: Augusto Felipe Santana
Idade: 27 anos
Altura: 1,94 m
Como joga: Zagueiro muito alto, suas principais virtudes são o jogo aéreo e a imposição física

<p>Felipe Santana marcou o gol da classificação do Borussia Dortmund às semifinais </p>
Felipe Santana marcou o gol da classificação do Borussia Dortmund às semifinais
Foto: AP

Felipe Santana apareceu no Figueirense e se destacou pelo time catarinense até 2008, quando foi negociado com o Borussia Dortmund, na época ainda em reconstrução financeira. O zagueiro sempre alternou a titularidade com a reserva, ainda mais após Hummels e Subotic se firmarem no miolo da defesa. Mas a glória de Felipe veio nas quartas de final da Liga dos Campeões, contra o Málaga, quando ele marcou no último minuto o gol da classificação às semifinais. Mesmo assim, está de saída: no fim da temporada, vai trocar o Borussia justamente pelo arquirrival, o Schalke 04, para ter mais chances de jogar.

Veja as conquistas amorosas dos jogadores do futebol europeu

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade