0

Em jogo de oito gols, Liverpool bate Chelsea com tento de Firmino e ergue a taça do Inglês

22 jul 2020
18h41
atualizado às 18h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Na partida em que o Liverpool enfim ergueu a taça do Campeonato Inglês, a equipe protagonizou um grande jogo de oito gols no Estádio Anfield. Nesta quarta-feira, o time derrotou o Chelsea pelo placar de 5 a 3, com destaque para o brasileiro Roberto Firmino, que deixou seu tento dentro de casa após um ano e meio.

Os Reds começaram melhor e emplacaram três gols logo na primeira etapa. Aos 23 minutos, a equipe roubou uma bola no campo de ataque, Keita avançou pelo meio e acertou um belo chute que pegou no travessão antes de entrar, sem chances de defesa para o goleiro Kepa.

Aos 38, em uma falta na entrada da área, Alexander-Arnold bateu com maestria sobre a barreira e anotou o segundo. Mais tarde, aos 43, Wijnaldum aproveitou a sobra de um escanteio e mandou para as redes.

O Chelsea conseguiu diminuir ainda na etapa inicial, com Giroud. Aos 48, após um cruzamento de Mount, William finalizou e Alisson deu rebote. O francês aproveitou e mandou de carrinho para o gol.

No segundo tempo, Firmino anotou seu gol na partida. Aos nove minutos, Arnold recebeu no lado direito e cruzou para o atacante, que cabeceou entre os defensores dos Blues e desencantou no Anfield.

Mesmo com o 4 a 1, os visitantes não desistiram e conseguiram reagir. Em ataque pela esquerda aos 16 minutos, Pulisic fez bela jogada escapando dos marcadores e tocou para Abraham apenas tocar para o gol. Aos 28, Hudson-Odoi avançou para pela direita e cruzou para o americano dominar, ajeitar, e bater para as redes, colocando ainda mais emoção no confronto.

No entanto, o Liverpool conseguiu marcar mais um com Chamberlain, aos 39. O lateral Robertson disparou em velocidade pela esquerda e fez o cruzamento para o meia finalizar e dar números finais a grande vitória dos Reds, que puderam levantar o troféu da Premier League em grande estilo.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade