0

Real Madrid desmente declaração polêmica de Pochettino

24 mai 2019
16h12
atualizado às 16h12
  • separator
  • 0
  • comentários

Uma declaração do treinador Mauricio Pochettino, do Tottenham, tem causado polêmica nesta sexta-feira, no futebol europeu. Em entrevista ao programa de rádio espanhol El Partidazo de Cope, o comandante afirmou que o Real Madrid não aceitou o pedido do Spurs para se acomodar nas hospedagens madrilenhas nos dias que antecedem a final da Liga dos Campeões.

A decisão do torneio será jogada no Estádio Wanda Metropolitano, na capital da Espanha, no dia 1 de junho. Perguntado como seria a preparação de sua equipe para a partida, Pochettino explicou que o Tottenham treinaria no Centro de Treinamento do Real Madrid, mas que teriam que se hospedar em um hotel pois o time espanhol não cedeu as habitações das instalações.

A partir de então, a polêmica começou a pipocar, principalmente na  Espanha. Muitos comentários criticavam uma falta de gentileza do Real ao negar a hospedagem da delegação do Tottenham. Rapidamente, entretanto, o clube compartilhou uma nota oficial, em que nega ter recebido qualquer pedido de alojamento.

"O Real Madrid está surpreso com as manifestações feitas pelo técnico do Tottenham Hotspur, Mauricio Pochettino, sobre um suposto pedido a nosso clube para que sua equipe pudesse se hospedar na residência da Ciudad Real Madrid para a final da Liga dos Campeões (…) Todas as solicitações feitas ao Real Madrid se referiam apenas e exclusivamente ao uso dos campos de treinamento da Cidade Real Madrid e seus vestiários. Todas elas foram concedidas pelo nosso clube", garantiu a nota.

O time madrilenho finalizou dizendo que "os alojamentos das equipes finalistas da Liga dos Campeões são designados pela Uefa seguindo critério de organização e segurança", e reafirmou não ter recebido nenhum pedido de hospedagem em suas instalações.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade