3 eventos ao vivo

PSG não renovará contrato com Thiago Silva e Cavani: "Uma decisão lógica"

13 jun 2020
15h57
atualizado às 15h57
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A saída de Thiago Silva do PSG que já era esperada foi confirmada pelo diretor esportivo do clube, Leonardo. Além do zagueiro, o diretor disse que o clube também não renovará o contrato do atacante Cavani.

"Foi uma decisão muito difícil de tomar. São jogadores que marcaram a história do clube. Sempre nos perguntamos se devíamos continuar por um longo caminho ou se não valia a pena. As histórias foram muito bonitas, mas, sim, estão chegando ao fim", disse Leonardo em entrevista ao jornal francês "Le Journal du Dimanche".

Foto: Divulgação/PSG
Foto: Divulgação/PSG
Foto: Gazeta Esportiva

Classificado para as quartas de final da Liga dos Campeões nos últimos jogos antes da paralisação, Leonardo disse que o clube tentará viabilizar a extensão temporária dos jogadores — que terminam em junho e julho — permitindo que participem da reta final do campeonato, que deve ser realizada em agosto.

"Tivemos que tomar uma decisão lógica, até economicamente ou em relação à geração que está por vir. Nunca há um momento perfeito. Agora, a Liga dos Campeões ainda está por vir, e a ideia é continuar jogando com eles até o final de agosto. O que pode ser feito ainda não está claro", explicou o diretor.

Thiago Silva aos 35 anos chegou ao PSG em 2012 e fez parte de uma geração vitoriosa do clube, se tornando um dos mais importantes jogadores dos últimos anos. Assim como Thiago, Cavani que chegou um ano depois do brasileiro ao clube.

Os jogadores agora estão liberados para sair do clube nos próximos meses e livres no mercado.

Veja também:

Newell’s Old Boys sonha com retorno de Messi
Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade