Neymar deve enfrentar Barcelona pela Liga dos Campeões, afirma jornal

Jogador brasileiro se contundiu no início de fevereiro, em jogo contra o Caen, pela Copa da França

7 mar 2021
19h57 atualizado às 20h18
0comentários
19h57 atualizado às 20h18
Publicidade

O atacante Neymar participou normalmente das atividades do Paris Saint-Germain neste domingo e deve ser reforço para a equipe parisiense no jogo decisivo pelas oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Barcelona, na próxima quarta-feira. No treinamento, participaram somente os atletas que não foram utilizados na vitória deste sábado do Paris Saint-Germain, por 3 a 0, sobre o Brest, pela Copa da França. A informação é do jornal francês L'Équipe.

Na partida de ida do duelo pela principal competição europeia, em que o brasileiro não atuou, o PSG venceu por 4 a 1, em território catalão. Com isso, na partida de volta, que será disputada em Paris, a equipe francesa tem ampla vantagem e pode perder por 3 a 0 que ficará com a vaga nas quartas de final.

Na última sexta-feira, Neymar também participou de treinamento. Na ocasião, também estavam presentes os principais nomes do elenco. A diferença, porém, é que o atacante brasileiro esteve em apenas parte das atividades, sendo preservado de momentos específicos do treino que pudessem fazê-lo regredir em sua recuperação.

Neymar se lesionou na partida contra o Caen, na estreia de sua equipe na Copa da França, que terminou com vitória parisiense por 1 a 0. O craque sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda. Neste intervalo, foram realizadas seis partidas, com cinco vitórias do PSG e uma derrota. O desempenho da equipe não oscilou tanto na ausência do brasileiro.

O jogador também possui um histórico de lesões nessa época do ano, que marca a retomada do futebol europeu, após a típica pausa para as festas de fim de ano, que também marcam o período mais frio do ano. A quantidade de lesões fez o jogador perder duelos importantes pela Liga dos Campeões pela equipe francesa.

O técnico da seleção brasileira, Tite, poderia se contentar com o retorno do craque aos gramados. Porém, os jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, no Catar, foram adiadas por Fifa e Conmebol, diante da piora da pandemia de covid-19. O Brasil entraria em campo nos dias 26 e 30 de março para enfrentar Colômbia e Argentina, respectivamente.

Estadão
Publicidade
Publicidade