PUBLICIDADE

City perde pênalti, empata com West Ham e deixa Liverpool vivo

Time de Pep Guardiola poderia ter colocado a mão no título inglês em caso de vitória

15 mai 2022 12h05
| atualizado às 12h27
ver comentários
Publicidade
Pep Guardiola lamentou chance perdida pelo Manchester City
Pep Guardiola lamentou chance perdida pelo Manchester City
Foto: Matthew Childs / Reuters

O Manchester City visitou o West Ham neste domingo, em jogo que poderia encaminhar o título do Campeonato Inglês ao time de Guardiola. No entanto, a equipe não saiu do empate e ficou no 2 a 2.

O resultado faz com que o City abra quatro pontos de vantagem sobre o vice-líder Liverpool. Porém, os comandandos de Jurgen Klopp podem diminuir a distância para um ponto se vencerem o Southampton nesta terça-feira, deixando a definição do título para a última rodada.

Apesar de dominar boa parte do jogo, o Manchester City viu o West Ham abrir vantagem com dois gols de Bowen. Na segunda etapa, Grealish e Coufal, contra, igualaram o placar. O argelino Mahrez ainda desperdiçou um pênalti na reta final, e perdeu a chance de colocar a mão no título inglês.

O jogo marcou também a despedida do veterano Mark Noble do time londrino, em casa. O jogador foi aplaudido pela torcida antes de jogo e também recebeu homenagem no minuto 16, número de sua camisa.

O último compromisso do City no torneio é contra o Aston Villa, no próximo domingo. Já o West Ham encerra a competição diante do Brighton, na mesma data.

Primeiro tempo

Em seu estilo, o City mantinha a posse de bola e controlava as ações do jogo. A equipe chegou logo aos dois minutos, mas Zinchenko finalizou nas mão de Fabianski. Aos 22, foi a vez do brasileiro Fernandinho arriscar de fora da área e ver a bola raspar a trave adversário.

Apesar do domínio da equipe visitante, foi o West Ham que estrou o marcador. Aos 24, Fernandinho afastou mal e Pablo Fornals lançou Jarrod Bowen nas costas da defesa. O inglês ainda driblou o goleiro Ederson e, mesmo sem ângulo, balançou as redes.

O time de Manchester parecer ter sentido o baque e voltou a levar perigo apenas aos 36, quando Gabriel Jesus fez fila, mas bateu para fora. Já na reta final, Antonio recebeu de Soucek e lançou Bowen, que novamente teve espaço para avançar e chutar da entrada da área, marcando o segundo dele na partida.

Segundo tempo

Não demorou para o City diminuir. Nos primeiros minutos da segunda etapa, a bola sobrou com Jack Grealish, que pegou de voleio e contou com desvio no defensor para marcar.

Aos sete, Gabriel Jesus recebeu de Mahrez dentro da área, rabiscou e obrigou Fabianski a fazer boa defesa. Em seguida, foi a vez de Bernardo Silva aproveitar a sobra na área e chutar no canto, mas Fabianski novamente defendeu a finalização.

O West Ham quase ampliou aos 19 minutos. O volante Fernandinho recuou mal e deu a bola de graça para Antonio. O atacante tentou de cavadinha por cima de Ederson, mas chutou por cima. O City, então, tratou de igualar o placar aos 24. Em cobrança de falta de Mahrez, Coufal tentou cortar mas acabou mandando no canto e marcando contra.

Na reta final, Gabriel Jesus foi derrubado na área e, após consulta no VAR, o árbitro assinalou o pênalti. Mahrez cobrou a penalidade com força, mas Fabianski espalmou o chute e impediu a virada do Manchester City.

Tottenham vence e pressiona o Arsenal

Mais cedo, o Tottenham entrou em campo e bateu o Burnley, por 1 a 0, com gol do atacante Harry Kane. O resultado levou o time londrino até a quarta posição, ultrapassando o Arsenal.

A vitória também pressiona o rival, que agora precisa vencer o Newcastle para voltar ao G-4 e depender apenas de suas forças para garantir uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões. O jogo acontece nesta terça-feira, às 16 horas (de Brasília).

Confira outros resultados do Campeonato Inglês neste domingo:

Watford 1 x 5 Leicester City

Wolverhampton 1 x 1 Norwich

Leeds United 1 x 1 Brighton

Aston Villa 1 x 1 Crystal Palace

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade