PUBLICIDADE

Após saída de Pedrinho, Benfica começa a monitorar nomes para o meio-campo a pedido de Jorge Jesus

Ex-treinador do Flamengo pede as contratações de Guendouzi e Nzonzi para a próxima temporada. Além de Pedrinho, mais três jogadores podem deixar o clube português

21 jun 2021 17h00
| atualizado às 17h00
ver comentários
Publicidade
Jorge Jesus tem contrato com o Benfica até junho de 2022 (Foto: CARLOS COSTA / AFP)
Jorge Jesus tem contrato com o Benfica até junho de 2022 (Foto: CARLOS COSTA / AFP)
Foto: Lance!

Depois de vender o meia-atacante Pedrinho, ex-Corinthians, que acertou com o Shakhtar Donetsk, o Benfica começa a olhar o mercado de transferências em busca de um substituto. E de acordo com a imprensa lusitana, o técnico Jorge Jesus já definiu seu primeiro alvo para a próxima temporada.

Segundo o jornal "A Bola", o meio-campista Matteo Guendouzi, que pertence ao Arsenal, mas jogou em 2020/21 emprestado ao Hertha Berlin, é o nome de desejo do Mister. O atleta tem contrato com os Gunners somente até junho de 2022, e uma negociação nesta janela pode ser facilitada.

Guendouzi em ação pelo Hertha Berlin (Foto: SOEREN STACHE / POOL / AFP)
Guendouzi em ação pelo Hertha Berlin (Foto: SOEREN STACHE / POOL / AFP)
Foto: Lance!

Além de desempenhar a mesma função de Pedrinho, o jogador de 22 anos pode atuar também mais recuado, como primeiro ou segundo volante. Ainda segundo a publicação, outros três meio-campistas também podem deixar a Luz: Samaris, Gabriel e Chiquinho.

Para repor estas saídas, o Benfica está perto de acertar a contratação do volante Steven Nzonzi, que pertence à Roma, mas jogou por empréstimo no Rennes. Nos últimos dias, o clube francês anunciou que o atleta de 32 anos não seguirá no clube. Assim como Guendouzi, ele tem contrato até junho de 2022.

Nzonzi em ação pelo Rennes (Foto: JEAN-FRANCOIS MONIER / AFP)
Nzonzi em ação pelo Rennes (Foto: JEAN-FRANCOIS MONIER / AFP)
Foto: Lance!
Lance!
Publicidade
Publicidade