PUBLICIDADE

Lewandowski iguala feito de Gerd Müller ao marcar 40° gol numa edição do Campeonato Alemão

Goleador polonês faz de pênalti no empate do Bayern de Munique por 2 a 2 com o Freiburg na rodada da Bundesliga

15 mai 2021 13h18
| atualizado às 14h28
ver comentários
Publicidade

O polonês Robert Lewandowski continua fazendo história com a camisa do Bayern de Munique. Seguindo os festejos do eneacampeonato alemão, o atacante igualou o feito do ídolo Gerd Müller ao anotar na rodada seu 40° gol numa única edição da competição. Neste sábado, de pênalti, ele alcançou a marca no empate por 2 a 2 na casa do Freiburg.

Assim que abriu o marcador, o polonês foi aplaudido por todos os companheiros, que fizeram um corredor para comemorarem a marca do atacante. Poucos imaginavam que alguém conseguiria igualar a proeza de Gerd Müller, da temporada 1971/72. Lewandowski o fez com 28 jogos disputados apenas na atual edição do Campeonato Alemão.

O gol histórico surgiu aos 25 minutos do primeiro tempo. Lewandowski respirou fundo por duas vezes antes de partir para a cobrança precisa do pênalti. Leve paradinha e bola num canto e goleiro no outro. Ele comemorou exibindo uma camisa alusiva a Müller por baixo do uniforme. "Para sempre, Gerd".

Além dos 40 gols em 28 partidas da Bundesliga, Lewandowski ainda distribuiu outras sete assistências para os companheiros na temporada. A cada 59 minutos, o polonês balançou as redes adversárias. Uma marca impressionante. E ainda tem um jogo para se isolar na artilharia e ampliar seu recorde. O gol de Lewandowski era o que faltava para fechar a bela campanha dele e do Bayern no Campeonato Alemão. Marca cravada, o time de Munique apenas se divertiu na partida com o Friburgo. Gulde fez 1 a 1, Sané recolocou os bávaros na frente, mas Guenter fechou os 2 a 2.

Robert Lewandowski já havia sido eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa. Agora com 40 gols, ele iguala o recorde de quase 50 anos. A máquina de fazer gols do Bayern de Munique conseguiu seu primeiro Hat-Trick no oitavo jogo da temporada de 2011/12, na vitória de 4 a 0 diante do Augsburg. Na edição 2015/16 do Alemão, na sexta rodada daquela temporada, ele só não fez chover na vitória do seu time diante do Wolfsburg. O Bayern perdia de 1 a 0, mas entre os 51 minutos e 60, ele marcou cinco gols. Fez isso em menos de 9 minutos.

Seus recordes não pararam por aí. Na 25ª rodada da temporada 2018/19, o atacante marcou pela 197ª vez na goleada de 6 a 0 sobre o Wolfsburg e passou Claudio Pizarro como o maior goleador estrangeiro da história da Bundesliga. Ao festejar a Liga dos Campeões do ano passado, batendo o PSG de Neymar, Lewandowiski se tornou o primeiro jogador a vencer a tríplice coroa e ser artilheiro nas três competições. Ele marcou 34 vezes na Bundesliga, 15 na Champions League e 6 na Copa da Alemanha. Com os 40 gols marcados nesta temporada, ele alcançou 276 ao longo da carreira na Bundesliga. Agora, vai atrás, mais uma vez, de Gerd Müller, que marcou 365 vezes na competição.

"Ele é um jogador completo. Não é perigoso apenas na frente do gol, é um ótimo criador de jogadas, é rápido, sabe como usar o corpo e corre para os lugares certos. Não é coincidência que foi eleito o melhor jogador do mundo. Ele justifica o título com suas qualidades", disse o lendário Lothar Matthäus, com cinco Copas na carreira.

Quem também se rendeu ao talento do atacante foi Jürgen Klinsmann, ex- jogador da seleção alemã. "Eu acho que ele é um fenômeno. O modo como joga, ele tem sido sensacional ao longo de toda a carreira, mas o que está fazendo nos últimos anos é inacreditável. É inacreditável a forma como marca gols toda semana, mas também contribui para o time vencer. Ele é um jogador sempre faminto, nunca está satisfeito. Sempre quer marcar mais e é um grande modelo. Se jovens atacantes querem aprender sobre dedicação ao jogo, mostre os vídeos do Lewandowski e está feito."

RESULTADOS

Demais resultados deste sábado: Arminia Bielefeld 1 x 1 Hoffenheim, Augsburg 2 x 0 Werder Bremen, Bayer Leverkusen 1 x 1 Unión Berlim, Borussia Mönchengladbach 1 x 2 Stuttgart, Hertha Berlim 0 x 0 Colônia e Schalke 04 4 x 3 Eintracht Frankfurt.

Estadão
Publicidade
Publicidade