PUBLICIDADE

Bayern de Munique demite funcionário por acusação de racismo

7 mar 2022 13h55
ver comentários
Publicidade

O Bayern de Munique demitiu um de seus funcionário por racismo. O homem, que tinha dez anos de casa e trabalhava na área das camisas dos jogadores, foi denunciado por seus colegas após comentário ofensivo sobre dois atletas.

Segundo informações do jornal alemão Bild, o agora ex-funcionário dos bávaros estava no centro de treinamento acompanhado de sua filha no momento do caso. Ele estava andando e encontrou os atacantes Serge Gnabry e Eric Choupo-Moting, jogadores que ele teria ofendido.

Quando se cruzaram, virou para a sua filha e teria dito: "Não tragas ente como estes para casa".

Os comentários dele foram ouvidos por mais funcionários do time que estavam próximos e que consideraram as palavras ofensivas. Estes mesmos teriam encaminhado o ocorrido para a direção do clube, que prontamente o demitiu.

Em 2020, um treinador das categorias de base da equipe também foi demitido por conta de falas racistas.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade