PUBLICIDADE

Barcelona muda planos e pode não contratar lateral-esquerdo na janela de transferências

3 jul 2021 16h47
| atualizado às 16h47
ver comentários
Publicidade

O Barcelona cogitou a contratação de um lateral-esquerdo para dar mais profundidade ao elenco. No entanto, segundo o jornal espanhol Marca, o clube pode ter mudado a sua avaliação nesta janela de transferências.

Com a saída iminente de Junior Firpo ao Leeds United, o Barça estudou alguns nomes como alternativa para Jordi Alba, que não pretende deixar o time, apesar de ter sido sondado pela Inter de Milão. Alejandro Grimaldo, do Benfica, era uma das opções.

Contudo, não há muitas alternativas, visto que o clube catalão se encontra em uma delicada condição financeira. Como exemplo, basta ver as contratações para a temporada 2021/22: Sergio Aguero, Memphis Depay e Eric García vieram de graça.

Além da situação financeira, a diretoria da equipe entende que o técnico Ronald Koeman não exige um outro lateral-esquerdo. O holandês vê com bons olhos a subida da promessa Alejandro Balde, de 17 anos, ao time profissional. Já o americano Sergiño Dest, que atua pela direita, pode jogar do outro lado - ele já foi testado nesta posição em sete ocasiões na última temporada.

Caso Alba desfalque o time, Dest jogaria pela esquerda, enquanto o brasileiro Emerson Royal atuaria como lateral-direito. O jogador de 22 anos retornou do Real Betis, por meio de recompra, pelo valor de nove milhões de euros (R$ 54 milhões). Sergi Roberto, cujo contrato se encerra em junho de 2022, também é uma opção para o setor defensivo - ele foi especulado na Inter de Milão.

Por fim, o Barcelona também cogita a contratação de um meio-campista. O holandês Georginio Wijnaldum, que recusou proposta do Barça, foi para o PSG. Assim, a equipe da Catalunha tem interesse em algum atleta do setor para completar o elenco.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade