2 eventos ao vivo

Cristiano Ronaldo perde pênalti, mas Juventus vence e mantém vantagem

21 jan 2019
19h42
atualizado às 19h42
  • separator
  • comentários

A Juventus segue absoluta na liderança do Campeonato Italiano. Na tarde desta segunda-feira, em Turim, nem mesmo um pênalti desperdiçado pelo astro Cristiano Ronaldo atrapalhou a Velha Senhora, que derrotou o Chievo de maneira contundente por 3 a 0, com gols de Douglas Costa, Emre Can e Daniele Rugani.

O resultado mantém a Juventus com nove pontos de vantagem sobre o Napoli (56 a 47), segundo colocado, a 18 rodadas do fim da competição. O Chievo, por sua vez, permanece no 19º e penúltimo lugar do torneio, com míseros 11 pontos, seis a menos que o Empoli, primeiro clube fora da zona de rebaixamento.

Pela 21ª rodada do Campeonato Italiano, a Juventus vai até Roma para enfrentar a Lazio, no próximo domingo, às 17h30 (de Brasília). Já o Chievo buscará se reabilitar diante da Fiorentina, em casa, a partir das 9h30 do mesmo dia.

Apoiada pela torcida, a Juventus abriu o placar em grande jogada individual de Douglas Costa. Aos 12 minutos, o brasileiro recebeu na direita, levou para o meio e arriscou uma pancada de esquerda. A bola foi no canto esquerdo do goleiro Sorrentino, que não alcançou.

Com a partida sob controle, o time da casa ampliou a sua vantagem pouco antes do intervalo. Aos 44 minutos, o argentino Dybala avançou pelo meio e acionou Emre Can, que dominou e bateu com a direita, sem chances para o goleiro do Chievo.

Na etapa complementar, a Juventus continuou dominando o seu rival e administrando a vantagem. Ainda assim, criou diversas chances de marcar o terceiro gol. A maior delas ocorreu após o zagueiro bloquear um chute de Douglas Costa com o braço dentro da área.

Na cobrança da penalidade, porém, Sorrentino pulou no canto esquerdo e espalmou o chute de Cristiano Ronaldo. A noite não era do melhor jogador do mundo. Pouco depois, ele recebeu livre na marca do pênalti, mas bateu mal na bola e mandou para fora. No apagar das luzes, Bernardeschi cobrou falta pela esquerda, e Rugani subiu livre na pequena área para dar números finais à partida.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade