1 evento ao vivo

Brasil encara Argentina nas semifinais da Copa América

1 jul 2019
20h07
atualizado em 5/7/2019 às 10h52
  • separator
  • 0
  • comentários

O Mineirão, em Belo Horizonte (MG), vai tremer. A Seleção Brasileira enfrenta a Argentina nesta terça-feira, às 21h30(de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), pelas semifinais da Copa América. Os canarinhos sofreram para eliminar nos pênaltis o Paraguai, após empate sem gols, nas quartas de final. Já os argentinos passaram sem grandes sustos pela Venezuela: 2 a 0.

Se a Argentina tem o melhor rendimento no último jogo, o Brasil leva vantagem por não perder há 14 anos pára o rival em jogos oficiais. As derrotas dos brasileiros neste período foram apenas em amistosos. São fatores que fazem todos esperarem um duelo muito equilibrado.

"Trata-se de um clássico muito equilibrado. A Seleção Brasileira entra em campo mais pressionada a ganhar pelo momento e principalmente pelo fato de jogar em casa, com o apoio da torcida. Mas não podemos nos iludir. Não vai ser nada fácil. É jogo para ser definido nos detalhes. Quem errar menos e quem aproveitar as poucas oportunidades que terá vai sair com a classificação e com a vitória", disse o atacante Gabriel Jesus.

Os argentinos pensam de maneira parecida.

"É um grande clássico do futebol sul-americano e com certeza todos entrarão em campo muito motivados. Espero um duelo equilibrado e que a Argentina possa sair com a vitória", disse o técnico Lionel Scaloni.

Outro fator que gera expectativa é o confronto entre Messi e o Brasil.

"É muito complicado enfrentar o Messi pois ele sempre tira algo da cartola para surpreender. É o melhor jogador que vi atuar e conheço ele dos confrontos pela Europa. Por mais que você estude, nunca vai entender a qualidade que tem e a diferença que ele pode fazer. Mas dessa vez é Brasil e Argentina e a nossa confiança também é grande. Esperamos fazer uma grande partida", disse o zagueiro Thiago Silva.

Em termos de escalação, o Brasil está indefinido. Com dores no adutor da coxa direita, o lateral-esquerdo Filipe Luís é dúvida. Se ele for vetado, Alex Sandro assume o posto. A boa notícia é o retorno do volante Casemiro, que cumpriu suspensão diante do Paraguai e reaparece, deixando Allan como opção no banco de reservas.

Já pelo lado da Argentina, apesar de falar em possíveis mudanças, Scaloni vai manter a base que derrotou a Venezuela.

Caso a partida desta terça-feira terminar empatada no tempo regulamentar, acontecerá uma prorrogação de trinta minutos. Persistindo a igualdade, o classificado será conhecido nas cobranças de pênaltis. Quem passar vai fazer a finalíssima no domingo com o ganhador do empate entre Chile e Peru, que jogam na outra semifinal, nesta quarta-feira.

FICHA TÉCNICA

BRASIL X ARGENTINA

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Data: 2 de julho de 2019 (Terça-feira)

Horário: 21h30(de Brasília)

Árbitro: Roddy Zambrano (Equador)

Assistentes: Christian Lescano (Equador) e Byron Moreno (Equador)

BRASIL: Alisson, Daniel Alves, Thiago Silva, Marquinhos e Filipe Luís (Alex Sandro); Arthur, Casemiro e Philippe Coutinho; Everton, Gabriel Jesus e Roberto Firmino.

Técnico: Tite

ARGENTINA: Franco Armani, Juan Foyth, Germán Pezzella, Nicolás Otamendi e Nicolás Tagliafico; Rodrigo De Paul, Leandro Paredes e Marcos Acuña; Lionel Messi, Lautaro Martínez e Sergio Agüero

Técnico: Lionel Scaloni

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade