0

Werder Bremen vence o Wolfsburg e assume segundo lugar provisório no Alemão

5 out 2018
17h24
atualizado às 17h24
  • separator
  • comentários

Nesta sexta-feira, no estádio Weserstadium, o Werder Bremen recebeu o Wolfsburg, pela sétima rodada do Campeonato Alemão. Vitória dos mandantes pelo placar de 2 a 0, gols marcados por Klaassen, no primeiro tempo e Eggestein fechou a conta na etapa final em que os Lobos pressionaram, mas de nada adiantou, pois o Bremen segurou a vantagem no marcador, conseguiu ampliar e sair com os três pontos preciosos.

Com o resultado, o Werder assumiu provisoriamente a segunda colocação do Alemão, com 14 pontos ganhos, deixando para trás o Bayern de Munique. O Wolfsburg está em sétimo.

Agora, a Bundesliga irá ter uma pausa, devido a amistosos internacionais e Liga das Nações da Uefa. Assim, o Werder só volta aos gramados no dia 20 de outubro, contra o Schalke 04, fora de casa às 13h30 (horário de Brasília). Já os Lobos terão nada mais nada menos do que o Bayern pela frente, no mesmo dia às 10h30 (horário de Brasília).

O jogo - Durante o primeiro tempo, o jogo foi de poucas chances, apesar do volume maior do Werder Aos 12 minutos, Weghorst tentou finalização, mas o goleiro do Bremen fez a defesa, e a bola ainda tocou na trave antes de morrer nas redes.

Com os mandantes melhores, mesmo sem criar grandes chances, o time saiu na frente. Aos 35 minutos, em cruzamento da direita, a zaga dos Lobos falhou feio, e a bola sobrou para Klaassen abrir o marcador. Depois, a equipe da casa administrou bem a partida, e saiu com vitória parcial pelo placar de 1 a 0.

Em busca da virada, o Wolfsburg quase chega a igualdade aos 10 minutos do segundo tempo. Brooks dominou na entrada da área e mandou para o gol, mas a bola acabou indo por cima do gol. A equipe visitante seguia pressionando, Brekalo tentou, porém, Jiri Pavlenka defendeu.

Finalmente, o Werder Bremen respondeu e quase ampliou com Eggstein, mas a defesa chegou antes e afastou o perigo. Aos 41 minutos, os donos da casa liquidaram a fatura. O experiente Claudio Pizarro, que entrou no segundo tempo deu passe para Eggestein matar o duelo, 2 a 0 e placar final.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade