0

Grêmio estreia na Copa do Brasil vencendo o Goiás fora

25 abr 2018
21h31
atualizado às 21h46
  • separator
  • 0
  • comentários

O Grêmio estreou de maneira contundente na Copa do Brasil nesta quarta-feira. Visitando o Goiás no estádio Serra Dourada, pelo jogo de ida das oitavas de final da competição, o Tricolor gaúcho teve dificuldades no primeiro tempo, contudo, voltou mais ligado para a etapa complementar e conseguiu sair de campo com o importante triunfo por 2 a 0, gols de Everton e Luan.

Foto: Gazeta Press

Com o resultado, o Grêmio adquiriu boa vantagem para o jogo de volta, que ainda não tem hora nem horário definido. Campeão da Copa do Brasil em 2016, o Tricolor gaúcho tem de conciliar suas campanhas na Libertadores e Brasileirão, que são prioridade, com o torneio, que neste ano renderá nada mais, nada menos que R$ 50 milhões.

O jogo - O Grêmio dominou o primeiro tempo no Serra Dourada. Contando com Luan e Arthur como principais peças de articulação, o time comandado pelo técnico Renato Gaúcho não deu muitas brechas para os donos da casa, entretanto, mesmo marcando forte presença no setor ofensivo, falhava no último terço do campo, onde não consegui finalizar com muita precisão e vencer o bloqueio da defesa.

A primeira grande oportunidade da partida só foi surgir aos dez minutos, em chute de fora da área. Everton recebeu próximo à meia-lua e soltou o pé, exigindo boa defesa de Marcelo Rangel. No rebote, o Grêmio ainda tentou trocar passes para voltar a agredir os rivais, porém, não conseguiu encontrar espaços para sair na cara do gol.

Logo em seguida, aos 12, o Tricolor gaúcho teve outra oportunidade de abrir o placar, desta vez com Jael. O atacante recebeu na entrada da área, de costas, não conseguiu fazer o giro e acabou abrindo para Madson na direita. O jogador devolveu para Jael, através de cruzamento, mas o camisa 9 cabeceou por cima do gol. Daí em diante os comandados de Renato Gaúcho tiveram ainda mais dificuldades para encontrar o caminho do gol e só voltaram a ameaçar aos 35 minutos, quando Everton saiu cara a cara com o goleiro e viu Marcelo Rangel bloquear seu arremate.

Já no segundo tempo quem assustou o adversário primeiro foi o Goiás. Logo no primeiro minuto, Giovanni arriscou de longe e surpreendeu Marcelo Grohe, que teve de se esticar todo para fazer a defesa e mandar para escanteio. Como resposta, no minuto seguinte, o Grêmio, enfim, abriu o placar com Everton. O atacante recebeu de Jael, invadiu a área com um drible da vaca no marcador de chaleira, passou por mais um e bateu na saída do goleiro, marcando um golaço no Serra Dourada.

A situação ficou ainda pior para o Goiás aos 24 minutos do segundo tempo. Luan aproveitou a confusão da zaga esmeraldina para ficar com a bola dentro da área, porém, foi derrubado por David Duarte, e o árbitro não teve dúvidas ao marcar pênalti. O próprio Luan foi para a cobrança, apesar de Jael ter pedido para bater, e chutou bem, no canto oposto do goleiro, para ampliar para o Tricolor gaúcho. Pouco depois, o camisa 7 ainda provocou a expulsão de Madison, que teve de derrubá-lo para evitar que saísse na cara do gol e fizesse o terceiro.

Apesar da boa vantagem, o técnico Renato Gaúcho não se acomodou, muito pelo contrário. Tentando construir um placar ainda mais elástico para deixar a classificação às quartas de final bem encaminhada, o comandante gremista ainda acionou o atacante André no lugar do zagueiro Kannemann e pressionou os rivais até o último minuto, entretanto, não conseguiu fazer o terceiro.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS 0 x 2 GRÊMIO

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Data: 25 de abril de 2018, quarta-feira

Horário: 19h30 (Brasília)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)

Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (SP)

Cartões amarelos: David Duarte e Eduardo Brock (Goiás); Jael (Grêmio)

Cartão vermelho: Madison

Gols: Everton, aos dois minutos do 2ºT, e Luan, aos 24 minutos do 2ºT (Grêmio)

Goiás: Marcelo Rangel; Caíque Sá (Alex Silva), David Duarte, Eduardo Brock e Breno; Madison, Pedro Bambu e Giovanni; Rafinha, Maranhão (Michael) e Carlos Eduardo (Robson)

Técnico: Hélio dos Anjos

Grêmio: Marcelo Grohe; Madson (Alisson), Pedro Geromel, Kannemann (André) e Bruno Cortêz ; Maicon, Arthur, Ramiro, Luan e Everton; Jael (Thonny Anderson)

Técnico: Renato Gaúcho

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade