1 evento ao vivo
Logo do Copa do Brasil
Foto: terra

Copa do Brasil

Goias bate do Coritiba e leva vantagem para o jogo da volta

28 fev 2018
21h27
  • separator
  • comentários

O Goiás fez a lição de casa e bateu o Coritiba por 1 a 0, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil 2018. Com o resultado, o time esmeraldino terá a vantagem do empate para prosseguir para a próxima fase da competição.

Depois de passar o primeiro tempo em branco, a equipe goiana abriu o placar aos oito minutos da etapa final, com Jefferson, que recebeu de Maranhão e tocou na saída de Wilson para o fundo da rede.

As duas equipes voltam a se encontrar para o jogo de volta no dia 14 de março, quarta-feira, no Estádio Couto Pereira, na capital paranaense.

O jogo - Logo no primeiro minuto, Leo Senna tentou o cruzamento, a bola pegou efeito e quase engano Wilson, que foi buscar no ângulo. A equipe esmeraldina tomou a iniciativa da partida e tentava pressionar. Aos quatro minutos, Wilson cobrou tiro de meta nos pés de Carlos Eduardo, que arrematou sobre a defesa coxa-branca. A resposta veio com Thiago Lopes, aos seis minutos, abrindo espaço e batendo cruzado, à esquerda do gol.

O Coritiba recuava demais, esperando os contra-ataques. Aos 12 minutos, grande chance para ao Goiás, com Lucão, que recebeu na entrada da pequena área, tentou o voleio e ganhou o escanteio. Depois da correria inicial, o ritmo caiu um pouco. Aos 20 minutos, Jefferson pegou sobra de bola, avançou e arriscou o tiro, direto pela linha de fundo. Na sequência, Carlos Eduardo fez a jogada individual e bateu no cantinho para boa defesa de Wilson.

A equipe coxa-branca chegou com perigo aos 25 minutos, com Guilherme Parede recebendo na área e rolando para Júlio Rusch bater cruzado e exigir a intervenção de Marcelo Rangel. O time esmeraldino chegou ao gol aos 33 minutos, com Lucão, mas a arbitragem anulou o lance marcando impedimento. O técnico Sandro Forner precisou queimar uma mudança ainda na primeira etapa depois que João Paulo saiu de campo lesionado para a entrada de Wellington Simião.

Após o intervalo, as equipes retornaram sem outras novidades. O Goiás seguia pressionado, sem conseguir entrar na defesa alviverde, até que, aos oito minutos, Jefferson recebe a bola em ótima condição e, com tranquilidade, espera a saída de Wilson para tocar ao fundo da rede para abrir a contagem.

Cobrança de falta para o Coritiba, aos 14 minutos, e Julio Rusch escorregou na hora da cobrança, praticamente recuando para Marcelo Rangel. Aos 17 minutos, cruzamento para Alecsandro, que deixou para Guilherme Parede que, livre, sem marcação, de frente para o gol, conseguiu mandar pela linha de fundo. Outra chance desperdiçada pelo Coxa, aos 25 minutos, com Leo Andrade testado no meio da área para fora.

O Coxa não conseguia se encontrar em campo, mesmo após as mexidas do técnico Sandro Forner. Aos 36 minutos, Giovanni recebeu a bola, ajeitou a bola e bateu de longe, com perigo, mas para fora. O Goiás parecia satisfeito com a vantagem magra e apenas administrava, esperando em seu campo. Aos 42 minutos, Carlos Eduardo arriscou o tiro de longe e isolou. Ainda deu tempo para Lucão, nos acréscimos, certar o travessão.

GOIÁS-GO 1 X 0 CORITIBA-PR

Local: Estádio Serra Dourada, Goiânia (GO)

Data: 28 de fevereiro de 2018, quarta-feira

Horário: 19h30 (de Brasília)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)

Assistentes: Flavio Gomes Barroca (RN) e Vinicius Melo de Lima (RN)

Cartões amarelos : Giovanni, Madison e David Duarte (Goiás); Leo Andrade, Wellington Simião e Julio Rusch (Coritiba)

Gols

GOIÁS: Jefferson, aos 08 minutos do segundo tempo

GOIÁS Marcelo Rangel; Caíque Sá (Pedro Bambu), David Duarte, Eduardo Brock e Jefferson; Madison, Léo Sena (Elieser) e Giovanni;Carlos Eduardo, Lucão e Maranhão (Felipe Garcia).

Técnico: Hélio dos Anjos

CORITIBA: Wilson; César Benítez, Thalisson Kelven, Romércio e Léo Andrade; João Paulo (Wellington Simião); Julio Rusch, Thiago Lopes (Pablo), Iago Dias e Guilherme Parede; Alecsandro (Evandro).

Técnico: Sandro Forner

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade