0

Gervinho estraga festa de Cristiano Ronaldo em empate do Parma contra a Juventus

Aos 29 minutos do segundo tempo, time de Turim vencia por 3 a 1; atacante marfinense empata aos 47

2 fev 2019
20h40
atualizado às 20h40
  • separator
  • 0
  • comentários

A Juventus, líder isolada do Campeonato Italiano, vencia com tranquilidade o Parma por 3 a 1, neste sábado, no Juventus Stadium, em Turim, pela 22.ª rodada, até os 29 minutos do segundo tempo. O atacante português Cristiano Ronaldo já havia marcado dois gols e tudo se encaminhava para mais um triunfo da atual heptacampeã nacional. Mas aí apareceu o marfinense Gervinho para estragar a festa com dois gols, o segundo aos 47, para garantir o surpreendente empate por 3 a 3.

Com os dois pontos perdidos no final da partida desta sábado, a Juventus vê a sua tranquila vantagem na liderança diminuir um pouco. Mais cedo, o vice-líder Napoli derrotou a Sampdoria por 3 a 0, em Nápoles, e assim a distância caiu de 11 para nove pontos (60 a 51). Já o Parma segue em posição intermediária na tabela de classificação - é o 11.º colocado, com 29.

A semana não foi boa para a Juventus. Atual tetracampeã da Copa da Itália, a equipe de Turim foi eliminada na edição desta temporada com uma derrota por 3 a 0 para a Atalanta, em Bérgamo, na última quarta-feira, na fase de quartas de final. Isso tudo perto do início das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa - no próximo dia 20 enfrenta o Atlético de Madrid, no estádio Wanda Metropolitano, em Madri, pela rodada de ida.

Em campo, a Juventus começou uma partida pela primeira em oito anos sem ao menos um jogador do trio Chiellini, Bonucci e Barzagli (todos eles machucados). Rugani e Cáceres, contratado nesta semana, formaram a defesa titular, mas as falhas defensivas aconteceram.

No primeiro tempo, Cristiano Ronaldo abriu o placar aos 36 minutos. Depois do intervalo, ele deu assistência para Rugani balançar as redes, aos 17. O Parma diminuiu com Barilla na sequência, aos 19, mas o português fez de cabeça aos 21. Tudo parecia tranquilo até Gervinho aparecer e marcar duas vezes, aos 29 e aos 47 minutos.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade