1 evento ao vivo

Felipão e Sampaoli se reencontram pela primeira vez desde batalha no Mineirão

Os atuais técnicos de Palmeiras e Santos travaram em 2014 um confronto histórico na Copa do Mundo

22 fev 2019
04h40
atualizado às 04h40
  • separator
  • 0
  • comentários

Os dois únicos técnicos do futebol brasileiro que têm no currículo a participação em Copas do Mundo e passagem pela Europa vão se enfrentar nesta sexta-feira, no Allianz Parque, com a expectativa de um reviverem um novo confronto épico. O palmeirense Luiz Felipe Scolari e o santista Jorge Sampaoli voltam a se enfrentar quase cinco anos depois de um jogo histórico entre ambos.

Em junho de 2014, pelas oitavas de final da Copa do Mundo, o Brasil de Felipão e o Chile de Sampaoli jogaram no Mineirão. A partida acabou empatada em 1 a 1 no tempo normal, não teve gols na prorrogação e nos pênaltis o Brasil levou a melhor, ao vencer por 3 a 2.

A classificação do Chile não veio por pouco. No último minuto da prorrogação o atacante Pinilla acertou um chute no travessão. A partida foi marcante para ambas seleções naquela Copa do Mundo por motivos inusitados. Embora eliminado, o Chile ficou orgulhoso pela boa atuação. Já o Brasil, avançou às quartas de final com desconfiança pelo nível do futebol apresentado e pelo descontrole emocional dos jogadores.

Felipão e Sampaoli também se enfrentaram na carreira em duas outras ocasiões, mas sempre no papel de comandantes de Brasil e Chile. Em 2013, os dois empataram em 2 a 2 em um amistoso no Mineirão e no mesmo ano a seleção bateu o adversário por 2 a 1 em outro amistoso, realizado no Canadá.

Depois de 2014, Sampaoli ganhou a Copa América, com o Chile, dirigiu o Sevilla, da Espanha, e comandou a Argentina na última Copa do Mundo. Felipão passou nos últimos anos no Grêmio, trabalhou na China e voltou ao Palmeiras no ano passado para ser campeão brasileiro. O experiente técnico tem no currículo três Copas do Mundo (foi campeão em 2002) e no futebol europeu treinou o Chelsea.

Sampaoli e Felipão estão no comando de times que se destacam neste Campeonato Paulista. O Santos tem a melhor campanha, é o único invicto e exibe neste início de ano um futebol ofensivo. O Palmeiras está empatado com o Red Bull em número de pontos com o segundo melhor retrospecto geral e busca em 2019 retomar o nível do desempenho do ano passado.

COMPROMISSOS

O clássico traz para os clubes a preocupação de anteceder compromissos internacionais. O Santos, joga na terça-feira contra o River Plate, do Uruguai, pela partida de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Sampaoli cogita até mesmo poupar alguns titulares para privilegiar o mata-mata.

O Palmeiras já está atento, por sua vez, à Copa Libertadores. Apesar de estrear na Colômbia apenas em 6 de março, a diretoria pediu a antecipação de um jogo do Campeonato Paulista conta o Ituano para a quarta-feira que vem. O clássico, portanto, deve ser o último jogo com a presença dos titulares.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade