0

Ex-Timão marca, mas Luverdense arranca empate com o Vila Nova

6 jun 2017
23h41
  • separator
  • comentários

Em jogo decidido somente nos acréscimos da segunda etapa, o Luverdense recebeu o Vila Nova, na Arena Pantanal, e conseguiu arrancar um empate por 1 a 1, em jogo válido pela quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O gol que abriu o placar para o Vila Nova, já no segundo tempo, foi marcado por Alan Mineiro. O meia, que pertence ao Corinthians e etá emprestado ao Vila Nova, marcou um belo gol de falta para dar vantagem à equipe goiana. No entanto, já nos acréscimos, Pablo acertou cabeceio no canto e garantiu o empate ao Luverdense.

Com o resultado, o Vila Nova estacionou nos oito pontos e deixou o G4 da Série B, ocupando agora a sexta posição. Já o Luverdense, que ainda não venceu na competição, é o 18º, com três pontos.

O Vila Nova volta a atuar pela Série B nesta sexta-feira, às 20h30(de Brasília), quando recebe o América-MG, no Serrá Dourada. Já o Luverdense joga somente no sábado, visitando o Oeste, às 21h(de Brasília), na Arena Barueri.

O jogo - O Vila Nova iniciou a partida criando a primeira boa chance aos três minutos. Após boa troca de passes, Alan Mineiro recebeu na entrada da área e mandou uma bomba. A bola passou muito perto da trave, indo para fora.

O Luverdense respondeu aos 15 minutos. Após boa jogada individual, Rafael Ratão ficou de frente para o gol. No entanto, o atacante chutou para fora.

Logo na sequência, aos 16, foi a vez de PH finalizar de fora da área para o Vila Nova e obrigar o goleiro Diogo Silva a espalmar para escanteio.

Com o jogo lá e cá, o primeiro tempo teve sua melhor chance aos 27 minutos. Alípio cobrou falta com categoria da entrada da área e carimbou o travessão defendido por Diogo Silva.

Ainda deu tempo para, aos 40 minutos, o Vila Nova assustar mais uma vez em cabeçada de Brunão. No entanto, Diogo Silva fez a defesa e segurou o empate para o intervalo.

No segundo tempo, foi o Luverdense quem voltou melhor e criou a primeira boa chance. Aos 13 minutos, Paulinho cobrou falta direto para o gol e obrigou Elisson a se apressar para não ser surpreendido e realizar a defesa.

Já aos 15, o Vila Nova respondeu em boa finalização de Mateus Anderson, que chutou colocado e tirou tinta da trave da equipe mandante.

O Luverdense voltou a assustar aos 18. Raphael Macena aproveitou desvio de Erik após cruzamento e recebeu livre para cabecear. O atacante, porém, testou mal, mandando para fora.

A melhor chance da equipe alviverde, porém, veio aos 26 minutos. Paulinho cobrou falta baixa e Rafael Silva deu um peixinho, obrigando Elisson a fazer uma defesa espetacular para salvar o Vila Nova.

A boa participação do goleiro do Tigre teve resultado, já que logo na sequência sua equipe abriu o placar. Mesmo vendo o adversário melhor na partida, o Vila Nova se aproveitou da bola parada e, aos 28 minutos, colocou a bola na rede em um golaço do meia Alan Mineiro, que cobrou uma falta com perfeição no ângulo, sem chances para o goleiro Diogo Silva.

Nos minutos finais, o Luverdense exerceu uma grande pressão em busca do empate. Aos 42 minutos, Erik acertou chute muito perigoso e Elisson fez uma grande defesa para salvar o Vila Nova.

Alguns minutos depois, porém, o goleiro não pôde fazer nada. Aos 47, após grande pressão, Paulinho cruzou a bola para a área, Cléo Silva desviou e Pablo completou de cabeça no cantinho para balançar as redes e garantir o empate ao Luverdense no apagar das luzes.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE 1×1 VILA NOVA

Local: Arena Pantanal, Cuiabá (MT)

Data: 12 de junho de 2017, terça-feira

Horário: 21h30 (Brasília)

Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)

Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Mauro Cezar Evangelista de Sousa (PI)

Público: Não divulgado

Renda: Não divulgado

Cartões Amarelos: Erik e Raphael Macena(Luverdense), Marcos Paulo, Elisson e Alan Mineiro(Vila Nova)

Cartões Vermelhos: Nenhum

GOLS:

LUVERDENSE - Pablo, aos 47 minutos do segundo tempo

VILA NOVA - Alan Mineiro, aos 29 minutos do segundo tempo

LUVERDENSE: Diogo Silva; Moacir, Neguete, Pablo e Paulinho; Ricardo, Erik e Marcos Aurélio(Alaor Júnior); Rafael Ratão(Cléo Silva), Douglas Baggio(Raphael Macena) e Rafael Silva

Técnico: Júnior Rocha

VILA NOVA: Elisson; Manguinho, Wesley Matos, Brunão e Gastón Filgueira; PH, Geovane, Alípio(Ruan) e Alan Mineiro(Heitor); Mateus Anderson e Marcos Paulo(Jajá)

Técnico: Hemerson Maria

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade