0

Ex-Fluminense, meio-campista Bruno Silva é o novo reforço do Internacional

Jogador assinou contrato até o final de 2019, com opção de renovação por mais uma temporada

13 ago 2019
19h20
atualizado às 19h20
  • separator
  • 0
  • comentários

O Internacional confirmou nesta terça-feira a contratação de Bruno Silva. Aos 32 anos, o meio-campista, que estava no Fluminense, assinou contrato até o final de 2019, com opção de renovação por mais uma temporada. Em 14 anos de carreira profissional, o atleta vai vestir a 11ª camisa.

Formado pelo Villa Nova-MG (2005), Bruno Silva teve passagens por Avaí (2007), Bahia (2010), Avaí (2011), Ponte Preta (2013), Athletico-PR (2013), Ponte Preta (2014), Chapecoense (2014), Botafogo (2016), Cruzeiro (2018) e Fluminense (2019). Sua principais conquistas são: Campeonato Catarinense (2009 e 2012), Campeonato Paulista do Interior (2013), Campeonato Mineiro e Copa do Brasil (ambos em 2018).

Bruno Silva já treinou com o elenco do Internacional
Bruno Silva já treinou com o elenco do Internacional
Foto: Divulgação/Internacional / Estadão

Seu melhor momento na carreira foi no Botafogo, quando chegou a figurar em uma lista de pré-convocados do técnico Tite para a seleção brasileira. Na atual temporada, disputou 23 jogos pelo Fluminense e fez um gol.

A contratação de Bruno Silva foi definida em um momento em que o setor de marcação de meio-campo do Internacional passa por problemas. Rodrigo Dourado sofre com um problema no joelho esquerdo, enquanto Lindoso ainda busca a melhor forma física após uma torção no tornozelo esquerdo. Edenilson se recupera de uma lesão muscular na coxa esquerda, sofrida no jogo de ida das semifinais da Copa América, contra o Cruzeiro, no Mineirão. Já Matheus Galdezani teve de ser submetido a uma cirurgia no joelho direito antes de sua estreia.

Antes de Bruno Silva, o Inter contratou neste ano o lateral-direito Bruno, o lateral-esquerdo Natanael, os volantes Matheus Galdezani e Rodrigo Lindoso e os atacantes Guilherme Parede, Neilton, Rafael Sobis e Santiago Tréllez.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade