1 evento ao vivo

Atlético-MG bate a Caldense pelo Campeonato Mineiro

Equipe chegou a assumir a liderança momentânea da competição

9 fev 2019
18h50
atualizado às 19h13
  • separator
  • 0
  • comentários

O Atlético precisou de apenas quatro minutos para confirmar a vitória por 1 a 0 sobre a Caldense, na tarde deste sábado, em duelo disputado no Ronaldão, em Poços de Caldas, sul de Minas Gerais, confronto válido pelo Campeonato Mineiro.

O resultado deixou o time alvinegro na liderança momentânea do torneio estadual. A equipe chegou aos 13 pontos, dois a mais que o América e Cruzeiro, mas o time alviverde só joga às 21h (de Brasília), em casa, no Independência, contra a URT, e a equipe celeste recebe o Tupinambás, neste domingo, às 17h, no Mineirão. A Caldense segue na parte inferior da tabela, na oitava posição, com quatro tentos.

Atlético-MG bateu a Caldense pelo Campeonato Mineiro
Atlético-MG bateu a Caldense pelo Campeonato Mineiro
Foto: Wagner Sidney Silva / Futura Press

Com quatro minutos de jogo, David Terans cruzou a bola e Leonardo Silva colocou a time alvinegro na frente. Além disso, o jogo teve momentos bastante sonolentos e ruins e com poucas chances claras. Tecnicamente, deixou a desejar.

O time alvinegro agora concentra suas atenções no Danúbio, partida válida pela volta da Copa Libertadores. Pelo Mineiro, o time alvinegro recebe o Tupi, no próximo sábado, às 19h (de Brasília), no Independência. Já a Caldense mira a recuperação contra o Boa Esporte, no domingo, às 11h, novamente em casa.

Primeiro tempo

Com a partida contra o Danúbio bem próxima, já na próxima terça-feira, no Independência, válida pela volta da segunda fase da pré-Libertadores, o técnico Levir Culpi optou por mandar um time reserva a campo.

Embora fosse o grupo alternativo, o time alvinegro conseguiu mostrar um bom trabalho nos primeiros minutos de jogo. Tinha alguma qualidade na saída de bola e buscava melhor o jogo. O volante Jair fazia uma boa apresentação e também David Terans.

O gol do time alvinegro aconteceu aos 4 minutos. Em cobrança de escanteio feita com perfeição por David Terans, Leonardo Silva aproveitou a bola e colocou para o fundo das redes.

O Atlético seguiu melhor em campo. A Caldense não encontrava situações de facilidade para chegar ao ataque. Aos 26, após um vacilo da marcação atleticana, Carlinhos finalizou com bastante perigo.

O duelo foi importante para perceber ainda uma situação na lateral direita do Atlético. Patric, bastante criticado, teve sua situação agravada com a exibição da última terça-feira, contra o Danúbio, pela Libertadores. Levir colocou em campo o reserva imediato Guga, que já mostra qualidade para substituição - embora seja apenas o Campeonato Mineiro.

Segundo tempo

Na volta para o segundo tempo, com o forte calor em Poços de Caldas, o ritmo da partida caiu. O Atlético não tinha qualquer força para atacar, o meio campo não funcionava mais, e a entrada de Nathan intensificou a queda técnica entre os meio-campistas.

A Caldense arranjou uma ótima chegada, aos 7, com Felipe Baiano. O armador recebeu a bola na área, dominou, arrumou o corpo, pensou e gastou tanto tempo que na hora de finalizar o goleiro Cleyton chegou.

O jogo morreu e ficou muito ruim. A desagradável partida teve alguma agitação quando Jair tentou buscar o ataque, aos 14, e deixou a mão no rosto de Edu Pina e foi expulso.

Quatro minutos depois, em um lance ríspido, Carlinhos deixou o pé no tornozelo de Iago Maidana e também recebeu o vermelho.

FICHA TÉCNICA

CALDENSE 0 X 1 ATLÉTICO

Local: Estádio Ronaldão, Poços de Caldas (MG)

Data: 09 de fevereiro de 2019 (Sábado)

Horário: 16h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Igor Junio Benevenuto

Assistentes: Sidmar dos Santos Meurer e Marconi Helbert Vieira

Gol: Leonardo Silva, aos 4 do primeiro tempo (Atlético);

Cartões: Lucas Cândido, Vinícius (Atlético); Jean Henrique, Renan, Felipe Baiano (Caldense).

Cartões vermelhos: Carlinhos (Poços de Caldas); Jair (Atlético)

ATLÉTICO: Cleyton; Guga, Leonardo Silva, Maidana e Carlos César; Jair, Lucas Cândido, Terans (Daniel) e Vinícius; Alessandro Vinícius (Leandrinho) e Alerrandro (Nathan)

Técnico: Levir Culpi.

Caldense: Omar, Lazarini, Renato Silveira, Rodolfo Manoel, Edu Pina, Jean Henrique (Tiaguinho), Renan, Felipe Baiano, Carlinhos, Judson (Lorran), Reginaldo Júnior.

Técnico: Zezito.

Veja também:

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade