PUBLICIDADE

Em menos de um ano, Marllon iguala marca de jogos que teve com o Corinthians em três temporadas

Zagueiro chegou completou 34 partidas pelo Cuiabá e comentou sobre o momento do Dourado no Brasileirão, afirmando que o foco agora é na permanência

18 out 2021 18h36
ver comentários
Publicidade

O ponto conquistado pelo Cuiabá diante do Flamengo, no Maracanã, após o empate sem gols teve um sentimento especial para o zagueiro Marllon, do Dourado. Contratado no inicio de 2021, o defensor chegou a 34 partidas pelo clube de Mato Grosso. Uma marca, a principio, sem expressão, mas que individualmente traz muita segurança ao camisa 13.

Marllon em ação pelo Cuiabá diante do Flamengo no Maracanã (Divulgação)
Marllon em ação pelo Cuiabá diante do Flamengo no Maracanã (Divulgação)
Foto: Lance!

- Em três anos pelo Corinthians atuei em 34 jogos. Logo no meu primeiro ano pelo Cuiabá, fui campeão estadual, com contribuição direta no título, e premiado com uma sequência de jogos no estadual e Brasileiro. Essa marca só confirma que fiz uma escolha acertada vindo para Mato Grosso. Individualmente é um número muito importante e ainda temos mais de dez rodadas até o término da temporada para aumentar essa marca - explicou o zagueiro, que tem contrato até o final da temporada de 2022 com o Cuiabá.

O empate conquistado diante do bicampeão brasileiro foi só o primeiro jogo da sequência de partidas com times da ponta da tabela que o Dourado enfrentará nas próximas duas rodadas, tendo pela frente o Atlético-MG, no Mineirão.

- Ponto importantíssimo conquistado diante do Flamengo. O nosso campeonato no momento é pela permanência do clube na Série A. Temos que jogar com essa mesma inteligência diante do Atlético-MG, e Bragantino. Assim como o Flamengo são dois adversários com características muito parecidas ofensivamente - finalizou o defensor sobre a fase do Cuiabá no Brasileirão.

Lance!
Publicidade
Publicidade