4 eventos ao vivo

Em jogo morno, Palmeiras bate o Botafogo e ganha a primeira em 2019

Deyverson marca o gol da vitória por 1 a 0 de jogo que teve até pênalti desperdiçado

23 jan 2019
23h01
atualizado às 23h01
  • separator
  • comentários

A primeira vitória do Palmeiras em 2019 veio nesta quarta-feira, ainda em ritmo de pré-temporada. No Allianz Parque, a equipe teve um bom primeiro tempo e uma etapa final pouco inspirada, mas fez o suficiente para bater o Botafogo-SP, por 1 a 0, pelo Campeonato Paulista. Em jogo de erros de passes, pênalti desperdiçado e rodízio de titulares, quem decidiu foi Deyverson, autor do gol.

Com oito mudanças em comparação à estreia, o Palmeiras mostrou também um futebol diferente no começo da partida. A lentidão na troca de passes deu lugar a um time dinâmico. Os jogadores de meio-campo tabelavam com facilidade e se apresentavam na área para finalizar. Os atacantes conseguiam inverter posições para confundir a marcação e com Dudu bastante acionado, as chances foram criadas com facilidade.

O primeiro gol veio aos 20 minutos. Após cobrança de falta, o goleiro deu rebote e Deyverson completou. O Botafogo chegou a dar alguns sustos depois, mas o Palmeiras dominava a partida e poderia ter ampliado ainda no primeiro tempo. O estreante meia Zé Rafael demonstrou nervosismo e desperdiçou algumas das investidas, ao errar passes.

No intervalo o recém-contratado Ricardo Goulart foi ao gramado cumprimentar a torcida e outro reforço ganhou chance. O atacante Carlos Eduardo teve chance de estrear. No entanto, o jogo caiu bastante. O Palmeiras perdeu a intensidade, ficou lento, errou muitos passes. Com Dudu substituído, a equipe não tinha mais a peça capaz de acelerar o ritmo e incomodar o Botafogo.

A equipe do interior aos poucos percebeu não ser tão difícil enfrentar o desanimado e lento Palmeiras. No momento em que o Botafogo mais ameaçava a chegar o empate, o Palmeiras achou a brecha para ameaçar. Primeiramente, Deyverson perdeu uma chance incrível, ao tentar driblar o goleiro e perder a bola quando a melhor opção era finalizar. O pior veio depois. Bruno Henrique perdeu pênalti, ao chutar no meio e facilitar a defesa.

Ainda assim, o placar magro bastou. A vitória por 1 a 0 não será um problema para o Palmeiras, pois o clube considera ser cedo esperar neste início de temporada um rendimento físico e técnico do nível do ano passado. O próximo compromisso palmeirense será no domingo, contra o São Caetano, fora de casa.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 1 X 0 BOTAFOGO-SP

PALMEIRAS: Fernando Prass; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Thiago Santos, Bruno Henrique e Zé Rafael (Lucas Lima); Gustavo Scarpa (Felipe Melo), Dudu (Carlos Eduardo) e Deyverson. Técnico: Luiz Felipe Scolari.

BOTAFOGO-SP: Rodrigo Viana; Lucas Mendes, Edinei, Plínio, Pará; Willian Oliveira, Diones, Renan Oliveira (Marlon Freitas) e Leonan; Bruno Moraes (Rafael Costa) e Pimentinha (Jean Silva). Técnico: Léo Condé.

Gol: Deyverson, aos 20 minutos do primeiro tempo

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza

Cartões amarelos: Willian Oliveira, Marcos Rocha

Público: 23.752 torcedores

Renda: R$ 1.272.384,60

Local: Allianz Parque

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade