PUBLICIDADE

Dracena vê estilo igual, mas confiança maior no pós-Enderson

19 set 2014 13h38
| atualizado às 13h47
ver comentários
Publicidade

Apesar de não ter oferecido perigo à meta do Grêmio, no empate por 0 a 0, na noite de quinta-feira, em Porto Alegre, os jogadores do Santos consideraram o resultado fora de casa positivo, já que somaram um ponto na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Mesmo sem fazer uma grande atuação, os santistas foram elogiados pelo técnico Enderson Moreira, e também pelo capitão Edu Dracena, que afirma que o grupo está mais confiante.

"Não vejo muita diferença no estilo de jogo (do Enderson), mas vejo uma confiança maior, devido aos resultados que vêm acontecendo, a concentração e a competitividade dentro de jogo melhoraram bastante", disse o líder elenco alvinegro na chegada da delegação alvinegra no CT Rei Pelé, nesta sexta-feira.

No reencontro com ex-clube, Enderson se contenta com empate:

Na Vila Belmiro, o retrospecto do Santosé vantajoso. Nos últimos dois jogos que mandou em casa no Brasileiro, bateu o Coritiba, por 2 a 1 e o Atlético-PR por 2 a 0. Para enfrentar o Figueirense, também em casa, no domingo, às 18h30 (de Brasília), o capitão Edu Dracena relembra o histórico como mandante e pede apoio da torcida. "Em casa a gente está muito bem, temos que manter isso, desde já convoco a torcida para encher a Vila Belmiro para nos incentivar bastante", concluiu.

Como mandante, o Santos fez 11 jogos no Brasileiro, venceu seis, empatou três e perdeu duas, tendo um aproveitamento de 55% na Baixada Santista. Somando 30 pontos, o time é o 9º colocado no campeonato.

 

Fonte: Lancepress! Lancepress!
Publicidade
Publicidade