3 eventos ao vivo

Dorival proíbe ligação direta em treino chuvoso do São Paulo

7 jan 2018
14h54
  • separator
  • comentários

O técnico Dorival Júnior quer abolir a ligação direta entre defesa e ataque no São Paulo de 2018. A ordem foi o que ditou o treino deste domingo, no CT da Barra Funda, realizado sob a incessante chuva que cai na capital paulista desde a parte da manhã.

Concentrados no CT desde a última quinta-feira, os atletas abriram os trabalhos do dia com um aquecimento comandado pelos preparadores físicos Pedro Campos e Henrique Martins.

Na sequência, já com Dorival no comando, o elenco foi dividido em três grupos para uma atividade técnica, que exigiu movimentação nas trocas de passes e testou a pontaria dos atacantes nas finalizações.

Na última etapa do treino, Dorival dirigiu um coletivo enfocado na posse de bola. As jogadas, portanto, deveriam passar entre as linhas de defesa, meio de campo e ataque. Neste caso, os atletas estavam proibidos de fazer a ligação direta - famoso "bicão para frente".

Assim como nos últimos dias, as atividades aconteceram sem as presenças de Hernanes, que foi obrigado a retornar ao chinês Hebei Fortune, e Christian Cueva e Jonatan Gomez, liberados para resolver questões pessoais e que deverão se reapresentar no início desta semana.

Já o zagueiro Robert Arboleda, que voltou de férias com um leve estiramento na coxa direita, segue o seu processo de recuperação no Reffis. A tendência é que o equatoriano fique fora dos treinos por aproximadamente duas semanas. Já o centroavante Lucas Pratto, alvo do River Plate, treinou normalmente nesta manhã.

Dando sequência à sua preparação para a temporada 2018, o São Paulo volta a treinar a partir das 15h30 (de Brasília) desta segunda-feira, no CT da Barra Funda. A equipe estreia no Campeonato Paulista no dia 17 de janeiro, às 19h30, diante do São Bento, em Sorocaba.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade