2 eventos ao vivo

Desfalcado, Corinthians visita o Botafogo na reinauguração do estádio Santa Cruz

Carille não terá sete titulares no duelo deste sábado, às 20h, em Ribeirão Preto

29 jun 2019
04h41
atualizado às 04h41
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Mesmo depois de dez dias de descanso e uma semana inteira de treinamento, o Corinthians fará o primeiro dos três amistosos da pausa da Copa América repleto de desfalques. Na partida deste sábado, às 20h, contra o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto, o técnico Fábio Carille não contará com sete jogadores do elenco.

Além de Cássio e Fagner, na seleção brasileira, o treinador não poderá escalar os atacantes Clayson e Everaldo (fortalecimento muscular), Ramiro (dores na coxa direita), Jadson (dores musculares) e Michel Macedo (contratura muscular).

A tendência é que Carille opte por duas formações diferentes no amistoso que marcará a reinauguração do estádio Santa Cruz, agora chamado de Arena Eurobike. O time titular deverá contar com: Walter; Bruno Méndez, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Júnior Urso; Pedrinho, Régis e Mateus Vital; Vagner Love.

O treinador aproveitou os problemas na escalação para pedir reforços à diretoria. "Durante a folga, estive na casa dos meus pais em Sertãozinho para elaborar muita coisa e quando cheguei foi totalmente diferente. Já perdi uma semana, iria repetir Clayson e Everaldo juntos e não estou conseguindo. Isso faria com que fôssemos mais agressivos, incomodar o rival. Meio que estacionou. Temos um time bom, mas faltam três cerejas para que seja diferenciado", disse.

CLUBE EMPRESA

O Corinthians guarda boas recordações do estádio Santa Cruz, como a conquista do Campeonato Paulista de 1995 em cima do Palmeiras e a vitória no primeiro duelo da decisão da Copa do Brasil de 2002 contra o Brasiliense - o time alvinegro viria a ser campeão. Mas no amistoso deste sábado, o time alvinegro encontrará um local bem diferente de anos atrás.

A nova arena recebeu 12 mil cadeiras nas arquibancadas e contará, por exemplo, com o restaurante Hard Rock Cafe, além de novos camarotes e um estacionamento para 700 carros. A reforma faz parte da reestruturação do clube de Ribeirão Preto, que se tornou empresa. A Botafogo S/A, criada em maio do ano passado, conta com Adalberto Baptista, ex-dirigente do São Paulo, como presidente do conselho.

Baptista investiu R$ 8 milhões e comprou 40% do clube por meio de sua empresa a Trexx Holding. Ele também investiu R$ 17 milhões nas obras do estádio. Outros parceiros colocaram mais R$ 4 milhões em custo total que chegou a R$ 21 milhões.

O plano é preparar o clube/empresa para abertura de capital na bolsa. Uma das primeiras ações dele foi a venda dos naming rights do estádio para a concessionária de carros luxuosos Eurobike. O contrato tem validade de dois anos, com contrato renovável por mais dois anos. Ele também ajudou o clube a fechar patrocínio master com a Sicred até o fim desta temporada.

O Botafogo fez uma fraca campanha no Paulistão, mas escapou do rebaixamento na última rodada. Na Série B, fechou a pausa da Copa América na vice-liderança, com 16 pontos. O técnico da equipe é o ex-jogador Roberto Cavalo. Para ele a partida não terá nada de amistosa. "Não vejo como um jogo festivo. Festa é para quem está fora de campo. Nós temos que encarar como um jogo de campeonato. Nossa equipe tem consciência que essa partida é importante para a nossa preparação para a sequência da Série B", disse.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade