0

Denílson perde nascimento da filha e é finalmente anunciado pelo Tricolor

9 jun 2017
17h02
atualizado às 17h42
  • separator
  • comentários

O São Paulo segue reforçando seu elenco para a disputa do Campeonato Brasileiro. Após contratar Maicosuel, o clube acertou a chegada do atacante Denilson, atacante do Granada, da Espanha, e que se destacou no Avaí-SC. Aos 21 anos, o atleta chega por empréstimo até o final da temporada e o Tricolor tem a opção de compra ao término deste período.

Nesta semana, o reforço realizou exames médicos, conheceu a estrutura do CT da Barra Funda, acompanhou o triunfo sobre o Vitória e agora apenas aguarda a regularização de sua documentação no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF para ficar à disposição do técnico Rogério Ceni. Após resolver a parte burocrática, Denilson foi liberado para conhecer a sua filha, que nasceu em Santa Catarina enquanto o jogador viajava para São Paulo para assinar com o Tricolor.

"Foi um dia muito especial. Celebrar o nascimento da minha filha e chegar ao São Paulo são momentos que ficarão marcados e que, sem dúvida, me dão motivação extra neste novo desafio na carreira. Assim que desembarquei em São Paulo recebi a notícia do nascimento dela e já comecei a minha trajetória com o pé direito no clube (risos). Estou muito feliz", revelou o atleta, pai de primeira viagem da pequena Maria Elis.

"O torcedor são-paulino pode esperar muita raça, entrega e determinação. Quero ajudar, seja com gols ou boas atuações, os meus novos companheiros na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Chego ao clube no meu melhor momento da carreira e estou pronto para encarar este novo desafio", afirmou o atleta, de 21 anos.

Apesar do recado para a torcida tricolor, Denílson não deve ter vida fácil em seu começo no São Paulo. Na noite desta quinta-feira, quando a equipe venceu o Vitória no estádio do Morumbi, alguns fãs já cornetaram a chegada do atacante, que estava atuando no Avaí.

Confira a carreira do novo reforço do São Paulo:

Denilson foi revelado nas categorias de base do Fluminense e estreou profissionalmente aos 17 anos, em 2013. Logo no primeiro jogo, marcou pelo Tricolor carioca na vitória sobre o Goiás por 2 a 1, pelo Campeonato Brasileiro. Depois, acabou voltando à base do clube carioca onde foi negociado com o Granada-ESP.

No Velho Continente, atuou na equipe B do Granada-ESP durante duas temporadas. Ainda na Europa, antes de retornar ao Brasil, foi emprestado ao Neftchi, do Azerbaijão. "Foram experiências muito importantes para meu amadurecimento. Taticamente aprendi muito", revelou.

No início de 2017, Denilson foi emprestado ao Avaí, onde se destacou com oito gols em 21 jogos, ajudando a equipe da Ressacada a alcançar o vice-campeonato Catarinense, perdendo a decisão para a Chapecoense. O técnico Rogério Ceni, que pediu sua contratação, já afirmou que o atleta deve atuar pelas beiradas, representando concorrência para Marcinho e Wellington Nem.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade