0

CSA ganha fora, afunda o Brasil-RS e recupera a vice-liderança da Série B

Time alagoano venceu por 2 a 0, em jogo da 14.ª rodada, no estádio Bento Freitas

6 jul 2018
00h15
  • separator
  • comentários

O CSA não perdeu tempo e já retomou a vice-liderança do Campeonato Brasileiro da Série B. O time alagoano derrotou fora de casa o Brasil, de Pelotas (RS), pelo placar de 2 a 0, nesta quinta-feira, pela 14.ª rodada, no estádio Bento Freitas. Enquanto o clube alagoano se aproxima do líder Fortaleza, a equipe gaúcha se afunda na zona de rebaixamento.

O triunfo fez o CSA quebrar uma sequência de cinco jogos sem vitórias - a última tinha sido no dia 1.º de junho diante do Vila Nova, por 1 a 0. Assim, é o vice-líder com 25 pontos, contra 29 do Fortaleza. O Brasil-RS é o 19.º e penúltimo colocado com 13, na frente apenas do Boa, com sete.

Brasil-RS e CSA fizeram um jogo franco. O time gaúcho teve um leve domínio no começo e chegou a chutar seis bolas para gol em menos de 25 minutos, mas esqueceu de calibrar a pontaria. Em chute de longa distância de Éder Sciola, Lucas Frigeri tirou a bola no ângulo.

A equipe alagoana foi crescendo com o andamento da partida e não desperdiçou as oportunidades que teve de abrir o placar. Aos 32 minutos, Rafinha fez bela jogada pela esquerda e cruzou para Daniel Costa. O meia chutou com precisão para o fundo das redes.

Após o gol, o CSA saiu na pressão e marcou o segundo aos 40 minutos. Calyson escorregou e viu a bola sobrar limpa para Rafinha. O lateral-esquerdo invadiu a área e mandou para o gol. O goleiro Marcelo Pitol acabou aceitando.

O segundo tempo foi menos acelerado. O CSA optou por administrar o resultado e tentar uma jogada de contra-ataque para liquidar a fatura. O time alagoano chegou a marcar com Nininho, após um milagre de Marcelo Pitol, mas o árbitro assinalou impedimento e anulou o lance.

O Brasil-RS, por outro lado, ameaçou uma pressão nos minutos finais, mas a bola insistiu em não entrar. No melhor lance, Michel recebeu dentro da área e cabeceou na trave. Depois, o CSA só se segurou para confirmar a vitória.

Na próxima rodada, a 15.ª, o Brasil-RS enfrenta o Juventude no próximo dia 13, uma sexta-feira, às 18 horas, novamente no estádio Bento Freitas. No mesmo dia, às 21h30, o CSA recebe o Sampaio Corrêa, às 21h30, no estádio Rei Pelé, em Maceió.

FICHA TÉCNICA

BRASIL-RS 0 x 2 CSA

BRASIL-RS - Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Willian Machado e Bruno Collaço; Sousa (Kaio), Leandro Leite, Pereira (Toty), Mossoró e Calyson (Michel); Luiz Eduardo. Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

CSA - Lucas Frigeli; Celsinho, Leandro, Xandão e Rafinha; Edinho, Ferrugem (Yuri) e Daniel Costa (Roger); Didira, Niltinho e Michel Douglas (Dawhan). Técnico: Marcelo Cabo.

GOLS - Daniel Costa, aos 32, e Rafinha, aos 40 minutos do primeiro tempo.

CARTÕES AMARELOS - Souza e Willian Machado (Brasil-RS).

ÁRBITRO - Jailson Macedo Freitas (BA).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Bento Freitas, em Pelotas (RS).

Estadão

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade