PUBLICIDADE

Corinthians cede Sornoza, empresta Janderson e renova com Matheus Araújo para 2022

Meia equatoriano vai, definitivamente, para o Independiente del Valle, enquanto o jovem atacante defenderá as cores do Grêmio na Série B

28 dez 2021 16h26
| atualizado às 16h33
ver comentários
Publicidade

A terça-feira foi agitada no Corinthians com o fechamento de três negociações por parte da diretoria do clube. Sornoza foi cedido, Janderson teve seu contrato emprestado e Matheus Araújo assinou novo acordo com o clube. O meio-campista Sornoza, de 27 anos, que tinha contrato até o fim de 2022, foi em definitivo para o Independiente Del Valle, do Equador, sem custo de compra ao clube. O Corinthians manteve uma participação não divulgada nos direitos federativos do jogador em caso de futura negociação.

Sornoza, contratado junto ao Fluminense em janeiro de 2019 por R$ 10 milhões, teve atuação apagada na maioria das 50 partidas nas quais vestiu a camisa corintiana. Ele só marcou um gol e seu maior feito foi a assistência dada a Vagner Love no gol que decidiu o Campeonato Paulista de 2019, diante do São Paulo. Sem espaço no Parque São Jorge, ele foi emprestado para Tijuana, do México, LDU e Independiente del Valle, ambos do Equador. Nunca esteve nos planos do técnico Sylvinho.

Com vínculo com o Corinthians até o fim de 2023, o atacante Janderson, de 22 anos, vai atuar em 2022 no Grêmio, na segunda divisão. Ele chegou ao alvinegro paulista em 2018 emprestado pelo Joinville. Foi comprado no ano seguinte e promovido ao profissional. Em agosto de 2020, concordou em atuar pelo Atlético-GO. Também era um jogador que não se achou no Parque São Jorge. O Corinthians tem feito uma limpa em seu elenco. Atletas que não estão sendo usados serão dispensados.

Já o meia Matheus Araújo, da equipe sub-20, assinou novo vínculo até 31 de dezembro de 2024. Aos 19 anos, o atleta chegou ao Corinthians em 2019. Está inscrito para disputar a Copa São Paulo de Futebol Júnior 2022 com o número 10. Em seu currículo, Matheus tem uma passagem pelo time profissional - contra o Novorizontino, no Paulistão de 2021. Pela seleção brasileira sub-17, foi campeão mundial em 2019, ao lado do goleiro Matheus Donelli, atualmente no profissional.

Estadão
Publicidade
Publicidade