0

Tiago Nunes destaca importância de empate, mas descarta título fácil

6 dez 2018
22h45
  • separator
  • comentários

O Atlético Paranaense conseguiu voltar da Colômbia com um bom empate em 1 a 1 diante do Junior Barranquilla, pelo jogo de ida das finais da Copa Sul-americana, e terá a chance de conquistar em casa um título inédito para a história do clube. O técnico Tiago Nunes, que seguiu com o discurso de pés no chão, garante que o time queria algo mais, mas pela força do adversário não conseguiu esse objetivo.

"Nossa proposta de jogo era tentar vencer a equipe do Junior. Sabemos da força desse time, de sua torcida, mas sabemos também que temos jogadores de qualidade para tentar jogar aqui e vencer, como fizemos outras vezes jogando fora de casa na competição", afirmou o treinador, que admite as poucas oportunidades, ainda que a postura tenha agradado. "Foi um jogo de poucas chances, mas que nos dá confiança para decidir dentro de casa", avaliou.

O treinador atleticano elogiou o time colombiano, que se mostrou bem entrosado e obrigou o Furacão a mudar um pouco de seu estilo de jogo. "A qualidade do adversário acabou trazendo muita dificuldade. Não conseguimos propor o jogo como gostaríamos, mas conseguimos jogar de outra forma, explorando os contra-ataques. Acreditamos muito que esse resultado possa ter sido muito importante para que a gente possa ter uma grande atuação dentro de casa", avaliou.

Apesar da confiança em mais um grande desempenho diante do torcedor rubro-negro, Tiago alerta que para levar o título, time precisa jogar e ganhar. "O resultado foi importante, mas não nos qualifica automaticamente a vencer em casa. Vamos ter que jogar bem em casa, com apoio do nosso torcedor. Será uma partida muito difícil. Teremos que ter uma imposição física e técnica muito grande dentro de casa e merecer a vitória", concluiu.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade