0

Fagner diz que "pediu" para Love fazer o gol ainda no intervalo

28 fev 2019
09h48
  • separator
  • comentários

O lateral direito Fagner comemorou bastante o gol de Vagner Love no começo do segundo tempo, na noite da quarta-feira, no Cilindro, em Avellaneda, mas já esperava que isso acontecesse. O camisa 23 corintiano afirmou que, assim que percebeu que o técnico Fábio Carille colocaria o artilheiro em campo, começou a pedir por um tento do companheiro.

"Nem me fala, acabei de falar para ele que, na hora em que ele entrou, eu falei: 'faz um hoje, sei que você vai fazer' (risos).", disse o defensor, que atuou ao lado de Love na conquista do Campeonato Brasileiro de 2015 e pôde observar o poder de decisão do centroavante.

"Conseguimos o empate, depois os pênaltis, classificação importante para a temporada. São 13 ou 14 jogadores novos, até você encontrar uma maneira de jogar demora. Mas essas classificações ajudam", avaliou Love, que marcou pela primeira vez em seu retorno ao Alvinegro.

"Fizemos um grande segundo tempo, conseguimos trabalhar bem a bola, o que a gente tenta fazer desde o começo do ano", continuou o defensor, apontando que a recente série de vitórias alvinegras contou com a contribuição pontual de cada um dos centroavantes do elenco.

Gustagol marcou um na vitória de virada sobre o Avenida, na semana passada, pela Copa do Brasil. No final de semana foi a vez de o argentino Mauro Boselli, que nem saiu do banco em Avellaneda, anotar o único gol da vitória sobre o Botafogo-SP, em RIbeirão Preto. Na quarta, Love brilhou.

"É importante todos estarem preparados porque cada dia vai ser um que vai decidir. Gustavo, o Love, o Mauro. É importante que o pessoal fique atento porque vamos precisar de todos", concluiu Fagner, agora à espera do São Bento, em partida marcada para as 16h30 (de Brasília) do sábado, em Sorocaba, pelo Campeonato Paulista.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade