PUBLICIDADE

Alisson fala sobre marca na Seleção e que defesa de Messi é uma das mais marcantes

11 nov 2021 11h21
ver comentários
Publicidade

Alisson terá na sua lista, nesta quinta-feira, a marca de 50 jogos pela Seleção Brasileira. Desde sua primeira convocação em 2015, o goleiro titular da equipe lembra o título da Copa América como o momento mais importante de sua trajetória.

"É um prazer completar 50 jogos com a camisa da Seleção Brasileira. A gente sempre fala isso e pode parecer meio clichê, mas cada jogo é sempre muito especial. Sempre foi um sonho vestir essa camisa", disse em entrevista coletiva.

"Talvez o jogo mais importante (com a Seleção) foi a final da Copa América, que deu a possibilidade para mim e para os meus companheiros de conquistar um título. Com certeza o momento marcou muito", completou.

Em 2019, a Seleção Brasileira despachou a Argentina na semifinal da Copa América, no Mineirão, e mais tarde levou o título do torneio diante do Peru. 

No jogo contra os rivais argentinos, Alisson lembrou de uma das defesas mais importantes com a camisa da Canarinho. 

"É muito difícil escolher uma defesa, mas jogos clássicos eu gosto muito. Jogos contra a Argentina, jogos importantes. Um jogo que vem a minha memória é a semifinal na Copa América. A defesa da falta do Messi acho que é uma das defesas que eu mais gosto pela dificuldade dela e a maneira que eu consegui executar", declarou o goleiro. 

Alisson foi convocado pela primeira vez para defender o Brasil quando ainda atuava no Internacional. O convite foi feito em agosto de 2015 pelo técnico Dunga para os confrontos contra Costa Rica e Estados Unidos, que estavam marcados para o começo de outubro.

O Brasil encara a Colômbia nesta quinta, às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Em campo, Alisson retorna e marca presença, já que foi reserva no último compromisso contra o Uruguai.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade