1 evento ao vivo
Logo do Copa do Brasil
Foto: terra

Copa do Brasil

Sorteio das quartas da Copa do Brasil define duas reedições de finais do torneio

Cruzeiro e Atlético-MG disputaram o título em 2014, enquanto que Athletico-PR e Flamengo fizeram a decisão de 2013

10 jun 2019
17h40
atualizado às 17h40
  • separator
  • 0
  • comentários

A CBF definiu nesta segunda-feira os confrontos das quartas de final da Copa do Brasil. O sorteio realizado na sede da entidade determinou duas reedições de final do torneio:o clássico Cruzeiro e Atlético-MG, além do duelo rugro-negro Athletico-PR e Flamengo.

O Atlético-MG levou a melhor na decisão de 2014 e garantiu a taça com duas vitórias, por 2 a 0 e 1 a 0. O Cruzeiro, no entanto, é o atual bicampeão da Copa do Brasil e também o clube com mais taças da competição: seis no total. O Flamengo garantiu o tri da Copa do Brasil em 2013 contra o Athletico ao vencer o duelo de volta por 2 a 0 - os times empataram por 1 a 1 o primeiro jogo.

Confira o raio-x dos confrontos das quartas de final:

Palmeiras x Internacional

O Alviverde e o Colorado já se cruzaram três vezes pela Copa do Brasil. O Palmeiras levou a melhor em duas. Em 1992, o time gaúcho levou a melhor, se classificando nas semifinais. Em 2015 e 2017, nas quartas e nas oitavas de final, respectivamente, o Palmeiras avançou.

Palmeiras:

Ponto forte: O clube alviverde tem como diferencial seu elenco. O técnico Luiz Felipe Scolari consegue mesclar titulares e reservas sem perder a qualidade do time. Tanto é que a equipe lidera o Campeonato Brasileiro, está nas oitavas da Libertadores e disputará as quartas da Copa do Brasil

Ponto fraco: Com Felipe Melo e Bruno Henrique, a saída de bola do time alviverde é lenta. Quando marcado sob pressão, a equipe encontra dificuldade para sair jogando.

Inter:

Ponto forte: O atacante peruano é o principal jogador do atual elenco. Nos 13 jogos que fez até aqui, o centroavante marcou nove gols. O time colorado manteve a base da temporada passada e mantém a consistência do trabalho implementado pelo técnico Odair Hellmann.

Ponto fraco: A diretoria tenta reforçar o elenco na pausa da Copa América. O time perdeu para o Vasco na última rodada do Brasileirão, pois estava desfalcado de cinco titulares.

Bahia x Grêmio

As duas equipes se enfrentaram em seis oportunidades pela Copa do Brasil. O Grêmio conquistou cinco triunfos contra apenas um dos baianos. Duas dessas vitórias foram justamente nas quartas de final da Copa do Brasil de 1989, conquistada pelo Grêmio.

Bahia:

Ponto forte: O técnico Roger Machado deu padrão de jogo para a equipe e acertou o setor defensivo, que não sofre gols há três jogos.

Pontos fracos: O time foi montado para esta temporada e o ataque ainda é inconsistente. Roger Machado tem o intervalo da Copa América para tentar dar liga ao time.

Grêmio: `

Ponto forte: Renato está prestes a completar três anos no clube. No ano de sua chegada ergueu o troféu da Copa do Brasil e desde então tem conseguido manter uma base e um padrão tático. O destaque da equipe é o atacante Everton, que está na seleção brasileira para a disputa da Copa América.

Ponto fraco: O momento do time gaúcho não é dos melhores. A equipe ainda não conseguiu embalar no Brasileiro e sofreu para avançar às oitavas da Libertadores. Renato Gaúcho tem nove jogadores no departamento médico.

Athletico-PR x Flamengo

Flamengo e Athletico-PR reeditarão a final da Copa do Brasil de 2013, quando o clube carioca conquistou seu terceiro título da competição ao vencer por 2 a 0 com gols de Elias e Hernane.

Athletico-PR:

Ponto forte: Tem no banco de reservas uma das grandes revelações como treinador: Thiago Nunes levou a equipe ao título da sul-americana no ano passado.

Ponto fraco: Time rubro-negro tem conseguido fazer boas partidas apenas diante de seus torcedores. A equipe até agora não somou pontos fora de casa no Brasileirão.

Flamengo:

Ponto forte: É o elenco mais caro do futebol brasileiro. O clube apresentou nesta segunda-feira o técnico Jorge Jesus, que tentará fazer os jogadores darem resultado em campo.

Ponto fraco:

Pontos fracos: A equipe é desorganizada taticamente e por isso tem oscilado muito ao longo da temporada. Na Copa do Brasil fez dois jogos regulares e venceu no detalhe.

Atlético-MG x Cruzeiro

Atlético venceu as duas partidas. Na primeira fez 2 a 0 e na outra bateu o rival por 1 a 0, com gol de Diego Tardelli.

Atlético-MG:

Ponto forte: O time aposta na velocidade dos seus atacantes Chará, Luan e Cazares para superar o arquirrival

Ponto fraco: A defesa do Atlético-MG tem falhado nos últimos jogos. Patric, Réver, Igor Rabello e Fábio Santos não têm feito um bom início de temporada.

Cruzeiro:

Ponto forte: Atual bicampeão da Copa do Brasil, o Cruzeiro aposta na força do elenco e no comando do técnico Mano Menezes, que completará em julho três anos no time mineiro.

Ponto fraco: O setor ofensivo tem feito fracas apresentações. A principal contratação da temporada, o meia Rodriguinho está no banco de reservas.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade